Novo Fundo – Órama Pacifico Ações

No mercado de ações sempre há boas oportunidades de investimento, porém encontrá-las e combiná-las de maneira eficiente para obter maior rentabilidade com risco sob controle requer muita experiência e trabalho. Para os investidores que buscam retornos consistentes no mercado de ações, mas que não dispõem de tempo e conhecimento para selecionar os papéis, estamos lançando mais uma opção de Fundo de Ações, o ÓRAMA Pacifico Ações.

O objetivo do Fundo é obter retorno absoluto no longo prazo, isto é, rentabilidade positiva sem qualquer relação com um índice de referência de mercado acionário e que supere a inflação num horizonte de, pelo menos, cinco anos.

O Fundo Pacifico Ações iniciou suas operações em setembro de 2011, mas a equipe possui muitos anos de experiência em renda variável e renda fixa, mercado local e internacional. São três gerações de profissionais de investimento formados na mesma cultura e que contribuíram previamente para o sucesso de duas das maiores gestoras de recursos independentes do Brasil: Opportunity e ARX Capital.

A filosofia de investimento, como na maioria dos fundos desta categoria, é aplicar em ações cujos preços estejam descontados, ou abaixo do seu valor justo, e com potencial de crescimento. A seleção de ações é realizada com base em análise fundamentalista, também conhecida como análise bottom-up ou micro. No entanto, a experiência da equipe de macroeconomia também contribui para a gestão do Fundo, principalmente na análise de risco e no dimensionamento das posições. Um estudo publicado pelo Goldman Sachs, em junho de 2012, apresentou a importância da utilização das análises micro e macro para os retornos. Fatores macro, como o crescimento global e local e condições financeiras, são significativamente importante para obter melhores resultados. Este estudo é focado na Ásia, mas pode ser aplicado em todos os mercados. O trabalho concluiu que a análise macroeconômica ajuda a aumentar os retornos e reduzir a volatilidade, porém funciona para algumas empresas, não para todas.

Ainda na gestão do Fundo, os gestores evitam concentração. Apesar de não existir uma restrição formal, posição com mais de 10% do patrimônio é exceção. Vale também em termos setoriais. Neste caso, o limite é 20%.

A proposta do Fundo é ficar 100% investido a maior parte do tempo. Embora possa parecer estranho, este é um diferencial, já que muitos fundos de ações carregam até 30% do patrimônio em títulos do Tesouro, aguardando oportunidades mais atraentes.

Outro ponto de destaque é o controle de risco diário, disciplina para evitar grandes perdas na ocorrência de eventos inesperados ou alterações significantes na conjuntura econômica, doméstica ou internacional. O cálculo de cenários em situação de estresse é determinante no limite das posições do Fundo, juntamente como o controle de liquidez dos ativos. Podem utilizar opções como instrumento de proteção. Não utilizam derivativos para alavancagem.

Na minha opinião, o ÓRAMA Pacifico Ações é uma excelente opção de investimento para quem quer aplicar no mercado de ações e que valoriza a combinação da análise de empresas com análise econômica. É para investidores que reconhecem que bons resultados no mercado acionário são alcançados somente por aqueles com experiência e profundo conhecimento no que fazem.

Para conhecer o Fundo, clique aqui.

Escrito por

Consultora de investimentos da Órama autorizada pela CVM, CFP® e autora de diversos livros.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s