Investir em Ouro Vale a Pena?

Como a Órama distribui um dos poucos fundos do mercado que investem apenas em ouro, recebo muitas perguntas de investidores que desejam saber se aplicar em ouro vale a pena. Será que vale? Vamos analisar esta questão neste post.

A alta rentabilidade atrai

Percebo que a procura pelo fundo Órama Ouro cresce muito sempre que o fundo entrega um bom resultado no mês anterior e como esse produto é muito volátil, têm meses que ele realmente apresenta retornos muito altos. Essa busca é de certa forma compreensível, já que os clientes estão sempre atrás dos investimentos que maximizem o seu potencial de ganhos.

Entretanto, a rentabilidade não é a única variável que você deve avaliar antes de decidir em qual produto aplicar. Assim, apesar do ouro ter registrado forte alta em janeiro e também nos últimos meses de 2014, recomendo muita cautela ao investir neste ativo. O retorno do ouro não é garantido e não é consistente.

A cotação do ouro é atrelada ao dólar

O preço do ouro negociado no mercado à vista da BM&FBovespa varia conforme o preço do ouro no mercado internacional e da cotação do dólar. Como é difícil prever como os preços do ouro e do dólar vão se comportar é difícil fazer projeções para o investimento em ouro.

Essa característica na formação de preço do ativo torna o ouro um investimento bastante arriscado.

Ouro não é para todos!

Quando os investidores escolhem um produto baseados apenas em rentabilidade, deixam de avaliar outra medida muito importante: a volatilidade.

De maneira simplificada, a volatilidade é uma medida estatística que indica o grau de variação da rentabilidade de um ativo. Por exemplo, a volatilidade anualizada de um produto conservador é próxima de 0%, enquanto a de um agressivo pode ultrapassar 20%. Dessa forma, os investimentos com baixa volatilidade expõem o investidor a um menor risco de perdas do que aqueles com volatilidade alta.

Você já observou a volatilidade do ouro? É bem alta, atualmente de mais de 16%. Aplicações em ouro entregam excelentes rentabilidades em determinados meses, porém também podem apresentar fortes quedas, o que não agrada a maioria dos investidores.

Quem deve investir em ouro?

O ouro como objeto de especulação é mais indicado para investidores mais experientes e com perfil de risco agressivo, mas a principal recomendação de investimento é para aqueles investidores que possuem fortunas, carteiras de investimento bastante amplas e que buscam proteção para seu patrimônio em momentos de crise. Importante colocar que não é recomendável que o investimento ultrapasse 10% do total da carteira.

O ouro é um ativo que funciona como hedge, ou seja, proteção. Quando o nível de incerteza sobre as economias ao redor do globo é muito alto, os ativos financeiros tendem a se desvalorizar como um todo, pois a aversão pelo risco aumenta e os investidores têm preferência por ativos reais, como o ouro.

Um exemplo disso foi em 2008, quando a crise econômica mundial foi deflagrada, tendo como estopim a falência do banco americano Lehman Brothers. Os preços dos títulos e ações sofreram muito em todo o mundo. Naquele momento, o ouro iniciou uma trajetória de alta e se valorizou bastante. Os investidores que aplicavam parte de seus recursos em ouro conseguiram proteger parte de suas carteiras, ou seja, conseguiram reduzir as perdas

As barras de ouro

O ouro pode ser negociado através de certificados nas bolsas de valores ao redor do mundo ou de forma física, através de barras ou moedas. De forma geral, a negociação de certificados é muito mais prática para o investidor. Entretanto, há quem prefira o ouro físico. Muitas famílias ricas e tradicionais, sobretudo na Ásia e Europa, têm quantidades significativas de ouro físico. No entanto, li recentemente que essas famílias vêm diminuindo a proporção de ouro físico em seus portfolios.

Quem investe em ouro físico muitas vezes não percebe a valorização ou desvalorização nos preços do metal, como acontece com os investidores que aplicam via certificados ou fundos. Isso ocorre porque o detentor do ouro físico não acompanha a variação diária do preço do metal, o que pode ser uma desvantagem para quem possui o metal no cofre, já que deixa de perceber possíveis distorções no preço.

O ouro vai continuar subindo?

A alta do ouro nos últimos tempos é explicada pelas incertezas na economia global, como a lenta recuperação da economia europeia, a crise na Grécia e seus possíveis impactos na economia da zona do euro e mundial, pelas tensões entre Ucrânia e Rússia e pelo desaquecimento da economia chinesa.

Entretanto, o BCE (Banco Central Europeu) tem tomado medidas para acelerar o crescimento da Região. O governo chinês também tem se esforçado para que o crescimento da sua economia não desacelere de forma rápida demais e a economia americana está se recuperando, com o FED (Banco Central Americano) já tendo anunciado que deverá subir os juros no país ainda em 2015.

Diante desse quadro, acreditamos que as incertezas quanto ao crescimento da economia mundial devam diminuir ao longo de 2015 e, assim, não haverá razões suficientemente fortes para que o preço do metal sustente outras altas tão expressivas quanto as dos últimos meses.

Para finalizar

Acredito que para a maior parte dos investidores, há outros investimentos mais adequados que o ouro. Mas se você quer investir em ouro e tiver dúvidas sobre a melhor forma de aplicação, entre em contato comigo através do Canal “Fale com a Sandra”, no site da Órama.

Deixo aqui meu convite para você conhecer as análises feitas por mim e pelo economista Alvaro Bandeira sobre os principais destaques na economia e nos investimentos em 2014 e o que esperar para 2015. Ainda neste mês lançaremos o novo eBook Cenários e Investimentos para 2015 que você já pode se cadastrar para ser avisado em primeira mão assim que ele estiver disponível para download.

Escrito por

Consultora de investimentos da Órama autorizada pela CVM, CFP® e autora de diversos livros.

Um comentário em “Investir em Ouro Vale a Pena?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s