Encontro entre as Coreias e os destaques da semana

Panorama Semanal de 23 a 27 de abril

Ações relacionadas à Lava Jato, pressão no câmbio e acordo histórico entre as Coreias foram os destaques da semana no noticiário político-econômico.

Em decisão que gerou polêmica, a Segunda Turma do STF decidiu retirar do juiz Sergio Moro os trechos de delações da Odebrecht que fazem referência ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Com a decisão, decorrente do entendimento de que não há relação entre essas delações e os crimes investigados pela Lava Jato, uma das possibilidades é que a defesa de Lula questione a atuação de Moro de forma mais ampla.

Assim, os depoimentos dos delatores da Odebrecht devem ser remetidos à Justiça de São Paulo. Já os processos do sítio de Atibaia e da sede do Instituto Lula continuam com Moro, em Curitiba.

Gerou expectativa a notícia de que o ex-ministro Antonio Palocci fechou acordo de delação premiada com a Polícia Federal em Curitiba.

E, segundo o ministro do STF Gilmar Mendes, a pena de Lula pode ser reduzida pelos tribunais superiores, se o crime de lavagem de dinheiro for desconsiderado, restando o crime de corrupção passiva.

Ainda na cena político-criminal, a PF cumpriu, no âmbito da Lava Jato, mandados de busca e apreensão envolvendo o senador Ciro Nogueira e o deputado Eduardo da Fonte, ambos do PP.

No chamado mensalão tucano, a Justiça de Minas Gerais manteve a condenação em segunda instância do ex-governador Eduardo Azeredo, de mais de 20 anos de prisão, por participação em desvio de dinheiro das estatais mineiras para caixa 2.

Na economia, destaque para o recuo na taxa de desemprego no primeiro trimestre deste ano, para 13,1%. No mesmo período do ano passado, o percentual era de 13,7%. Atualmente, são 13,7 milhões de desempregados, segundo o IBGE.

A arrecadação federal registrou alta, a partir da retomada econômica. Em março, o recolhimento atingiu R$ 105 bilhões, uma alta real em torno de 4% em comparação ao mesmo mês de 2017.

Lá fora, os holofotes se voltam para o encontro histórico, nesta sexta-feira, entre os líderes norte-coreano, Kim Jong-un, e sul-coreano, Moon Jae-in, num processo de reaproximação, promessas de paz e início da desnuclearização da Coreia do Norte.

O dólar, com tendência de valorização global, foi o destaque da semana no mercado financeiro. Apesar das altas consecutivas e de ter atingido cotação recorde desde junho de 2016 ao longo da semana, houve um refresco no pregão desta quinta-feira e a moeda americana fechou em queda de 0,22%, a R$ 3,478. Já o Ibovespa subiu 1,57%, para 86.383 pontos.

Obrigada, bom fim de semana e até o próximo Panorama Semanal.

*Dados atualizados até o dia 27/4, às 10h.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s