Maior cotação nominal do dólar e os destaques da semana

Panorama Semanal de 18 a 22 de novembro*

A semana que se encerra registrou a maior cotação nominal do dólar, acima dos R$ 4,20, pressionado por fatores conjunturais.  

Por aqui, outro destaque foi a admissibilidade constitucional, na Câmara dos Deputados, da PEC que possibilita a prisão em segunda instância.

Teve início a votação no Supremo Tribunal Federal sobre a delimitação do acesso a dados do Coaf e da Receita pelo MP. Polêmica, a questão do compartilhamento das questões sigilosos será retomada na próxima semana no STF.

A fundação do Aliança pelo Brasil, novo partido do presidente da República, Jair Bolsonaro, foi também fato de destaque, bem como a criação da NAV, estatal responsável pelo controle do espaço aéreo. É a primeira estatal do atual governo e primeira desde 2013.

A proposta de Reforma Administrativa deu uma recuada e não tem mais data para ser enviada ao Congresso.

O Ministério da Economia divulgou a criação de 70,8 mil vagas formais em outubro, configurando o sétimo mês seguido de alta. 

E, em audiência pública, o presidente do Banco Central, Campos Neto, anunciou um mutirão de renegociação de dívidas – atrelado à educação financeira.  Ele também antecipou a informação sobre um novo sistema de pagamentos para o ano que vem, instantâneo, com funcionamento 24 horas por dia, sete dias por semana. 

Nos EUA, seguem os depoimentos de diplomatas que implicam e responsabilizam o presidente americano, Donald Trump, pela campanha na Ucrânia de pressionar o opositor político Joe Biden. As declarações podem sustentar o pedido de impeachment de Trump.

Na Bolívia, segue o aumento da violência e a possibilidade de convocação de eleições. Há escalada da violência também em Hong Kong.

Sobre as negociações comerciais entre EUA e China, apesar da volta das conversas entre os dois países e a expectativa criada para um acordo, ainda não há absolutamente nada de concreto, o que amplia o quadro de incertezas e pode empurrar a questão para o ano que vem. O dilema impactou os índices acionários no exterior.

Em Israel, a situação do novo governo apresenta ainda um impasse, após duas eleições e três tentativas de coalizão. E o primeiro-ministro, Benjamin Netanyahu, foi denunciado por corrupção.

No pregão desta quinta-feira, o Ibovespa avançou 1,54%, para 107.496 pontos, com a recomendação de instituições para compra de ações brasileiras (baratas em dólar). O dólar, apesar do pico no início da semana, recuou. A moeda americana fechou cotada com desvalorização de 0,13% frente ao real, a R$ 4,193. 

Obrigada, bom fim de semana e até o próximo Panorama Semanal.

*Dados atualizados até o dia 22/11, às 9h.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s