Declaração de Paulo Guedes sobre dólar e os últimos destaques

BRASIL EM FOCO

A proliferação global do coronavírus vem assustando o investidor e o Ibovespa caiu 4,65%, a 102.233 pontos. Companhias aéreas lideraram as perdas setoriais, com as ações preferenciais de Gol e Azul desvalorizando 16,77% e 14,53%, respectivamente.

A despeito de o Banco Central ter injetado o equivalente a US$ 3 bilhões em três leilões de 20 mil contratos de swap cambial cada um, o dólar renovou mais uma vez sua máxima histórica nominal. O dólar PTAX era negociado a R$ 4,6207 na venda, tendo subido 2,10%. Esse movimento da moeda americana está mexendo também o mercado de juros futuros e os contratos de DI para Janeiro de 2025 tiverem uma abertura de taxa de 23 pontos base, voltando aos 6,02%.

O Ministério da Saúde informou nesta quinta-feira que o número de casos confirmados de infecção pelo novo coronavírus (Covid-19) no país subiu para oito. São seis casos em São Paulo, um no Rio de Janeiro e um no Espírito Santo. (Valor)

Em um evento na Fiesp, o ministro da Economia, Paulo Guedes, disse nesta quinta que a cotação do dólar pode ir a R$ 5 caso “muita besteira” seja feita. “Pode chegar a R$ 5? Ué, se o presidente pedir para sair, se todo mundo pedir para sair. É um câmbio que flutua, se fizer muita besteira, ele pode ir para esse nível”. (Folha)

Acre, Minas Gerais, Mato Grosso e Rio Grande do Norte informaram ao Tesouro Nacional que gastaram com folha de pagamento mais que o limite máximo imposto pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), de 60% da sua receita corrente líquida (RCL). (G1)

OBSERVATÓRIO INTERNACIONAL 

A disseminação do coronavírus pelo mundo continua trazendo incertezas e volatilidade para os mercados. O S&P 500 teve forte queda de 3,39% aos 3.024 pontos.

Nos EUA, o prefeito de Nova York, Bill de Blasio, disse que todos os nova-iorquinos deveriam se colocar voluntariamente em quarentena por 14 dias se retornassem da China, Irã, Itália, Coréia do Sul ou Japão nas últimas duas semanas. Qualquer pessoa que retorne dessas nações com doenças respiratórias deve procurar atendimento médico imediatamente. São 13 os casos confirmados em Nova York, nos EUA como um todo, 126 infectados com 11 mortes. (Bloomberg)

A OPEP recomendou que seus membros e aliados reduzissem a produção em 1,5 milhão de barris adicionais por dia para aliviar o impacto da demanda da epidemia COVID-19, mas o mercado expressou dúvidas sobre a cooperação da Rússia que é não membro do cartel. Os 14 membros da OPEP iriam cortar 1 milhão de barris por dia e os não membros da OPEP, principalmente a Rússia, cortariam os outros 500.000 barris por dia. A OPEP+ deve anunciar sua decisão final na reunião de sexta-feira. (WSJ)

A senadora Elizabeth Warren desistiu nesta quinta-feira de sua pré-candidatura à presidência dos Estados Unidos. A democrata não declarou se apoiará Bernie Sanders ou Joe Biden, que ainda permanecem na disputa. (Bloomberg)

O presidente da China Xi Jinping, fez um comunicado no Comitê Permanente do Politburo, órgão máximo de tomada de decisão do Partido Comunista da China, na quarta-feira enfatizando que a China está controlando o surto do Covid-19, mas que medidas concretas precisam ser tomadas para que a atividade econômica possa voltar aos trilhos. Entre as recomendações para as lideranças das províncias, que possuem certa autonomia administrativa para a execução de políticas públicas, estão: adotar abordagens diferenciadas para ajudar a retomar o trabalho e a produção nas regiões com base em suas situações epidêmicas. É importante também estabilizar o comércio exterior e o investimento, ajudando as empresas a voltarem à normalidade e criando ainda mais empregos. Uma atenção especial deve ser dada aos detentores de diploma de graduação, aos trabalhadores migrantes e às pequenas empresas domésticas. (Xinhua)

A semana não vai terminar melhor do que começou. Com os números de casos de coronavírus aumentando em vários países e as expectativas de crescimento sendo revisadas para baixo, as bolsas ao redor do mundo operam no negativo. Na Ásia, fecharam com queda de mais de 2%. Na Europa, recuam mais de 3%. Os futuros de Wall Street apontam para mais um dia no vermelho.

O petróleo Brent cai 4,38%, cotado a US$ 47,80 por barril, em seu nível mais baixo desde 2017. O ouro avança.

RESUMO DOS MERCADOS 

Dólar PTAX R$ 4,6207 + 2,10%
DI Fut Jan/25 6,02% + 23 bps 
Ibovespa  102.233,24 pts  – 4,65%
S&P 500 3.023,94 pts  – 3,39%

TÓPICO DO DIA

O tema da coluna no Valor Investe da nossa estrategista-chefe Sandra Blanco, não poderia ser outro nesse mês de Março: investimentos e mulheres. Entender que o mercado financeiro pode ser um instrumento de igualdade de gênero é revolucionário. A neutralidade dos produtos é um fato de modo que uma empresa não paga dividendos de forma distinta para homens ou mulheres, ou ainda um emissor de título não oferece uma taxa mais atraente para o investidor de sexo masculino. Vale a leitura!

As informações contidas neste material têm caráter meramente informativo, não constitui e nem deve ser interpretado como solicitação de compra ou venda, oferta ou recomendação de qualquer ativo financeiro, investimento, sugestão de alocação ou adoção de estratégias por parte dos destinatários. Este material é destinado à circulação exclusiva para a rede de relacionamento da Órama Investimentos, incluindo agentes autônomos e clientes, podendo também ser  divulgado no site e/ou em outros meios de comunicação da Órama. Fica proibida sua reprodução ou redistribuição para qualquer pessoa, no todo ou em parte, qualquer que seja o propósito, sem o prévio consentimento expresso da Órama.

Deixe uma resposta