Qual é o custo para operar?

Será que investir na Bolsa de Valores é mesmo tão caro e difícil quanto você pensa?

Uma coisa é certa: se você pretende começar a investir em ações e mercado futuro é fundamental se informar sobre o assunto.

E se você está procurando informações para começar, está no lugar certo, pois a corretora Órama apresenta uma variedade incrível de recursos e em alguns casos com custo zero.

Logo de cara, cabe dizer que os custos para comprar ações são bastante variados. Você deve levar em consideração, também, as taxas aplicáveis no tipo de investimento escolhido.

Afinal, quanto custa uma ação? A verdade é que, além do preço do ativo em si, existem outros fatores que você deve considerar. 

Antes de mais nada, é preciso entender que ações, normalmente, são negociadas em lotes. Um lote é equivalente a 100 ações.

Isso significa que se a ação que você pretende comprar está cotada em R$ 5,00 o preço mínimo do aporte são de R$ 500,00. 

É possível comprar também através dos lotes fracionados, que permitem a compra ou venda de frações menores que 100 ações. A iniciativa visa permitir que pequenos investidores consigam entrar na bolsa.

Além disso, você também precisa conhecer as taxas que serão aplicadas sobre seus ativos.

Taxa de Corretagem

Essa taxa é cobrada para realizar as operações de compra e venda na Bolsa de Valores. 

O custo varia de corretora para corretora e pode ser fixo por operação ou variável de acordo com o volume operado. 

Taxa de Custódia

Essa taxa é mensal e cobrada pela B3 para a guarda dos títulos. Atualmente está taxa não é cobrada na maioria das corretoras. Na Órama os clientes são isentos da taxa de custódia.

Taxa de emolumentos, taxa de registro e taxa de liquidação

São taxas pagas à B3 de acordo com o ativo negociado. Não se preocupe que estas taxas são especificadas na nota de corretagem e possuem custos relativamente baixos.

Taxas de TED

Para realizar as operações, é necessário realizar a transferência de recursos da sua conta bancária para a sua conta na corretora.

Outros custos

Para operar na Bolsa há também a cobrança do ISS (Imposto Sobre Serviço), que equivale a 5% da corretagem.

Imposto de Renda

Muitos investidores em bolsa de valores não sabem como é feita a tributação referente aos seus ganhos. É importante saber como e o que é tributado ao se comprar e vender uma ação no mercado. Seja ela em day trade ou Swing trade.

Em renda variável (compra e venda de ações) existem casos de isenção do Imposto de Renda referente ao ganho de capital. Para movimentações com valor inferior a R$ 20.000,00/mês, estão isentas do pagamento do IR. Muitas pessoas confundem com ganho de capital inferior a R$ 20.000,00/mês.

Caso você realize várias operações (compra e venda) em bolsa de valores em dias diferentes (Swing trade) e que superaram o limite de isenção, a tributação do IR será de 15% sobre o lucro líquido obtido. O lucro líquido é o lucro já descontado de todas as taxas e corretagens da nota de corretagem e outros custos contido no extrato da sua conta, caso seja aplicado (exemplo: custos de BTC no caso de aluguel de ações).

No caso das operações realizadas no day trade (compra e venda de ações no mesmo dia) a alíquota é de 20% sobre o valor da rentabilidade líquida, independente do montante financeiro negociado. Ou seja, diferente do Swing trade, qualquer lucro que for aferido com as operações day trade você é obrigado a pagar o IR.

Se o investidor obteve prejuízo em um mês, ele poderá compensá-lo em meses subsequentes, vale tanto para o Swing trade como para o day trade.

O imposto sobre o lucro é pago mensalmente por meio de uma DARF (Documento de Arrecadação de Receitas Federais), 30 dias após o fechamento ao mês com lucro aferido e deve ser preenchido com o código 6015. Este número é o código da receita para tributação relativo as operações de renda variável. 

Um exemplo, se você vendeu ações no dia 17/02/2020, a data que deve ser colocada no campo período de apuração do DARF é 28/02/2020. A data de vencimento é o último dia útil do mês subsequente ao da apuração, no caso em análise, 28/02/2020.

Como abrir conta na Órama

Abrir a conta na Órama é muito fácil e inclusive não há custo. É só clicar aqui.

Preencha com os seus dados e pronto. Parabéns! Sua conta estará aberta. Para finalizar será necessário o envio de alguns documentos e transferir os recursos para iniciar as suas operações.

Termina aqui o nosso curso sobre a bolsa. Esperamos que faça bons investimentos!

Curso desenvolvido pela Euroinvest 

 

 

 

 

 

Um comentário em “Qual é o custo para operar?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s