Avanço do PMI e os últimos destaques

   Cotação DiaSemanaMêsAno
Ibovespa (pts)101.521,300,05%0,17%-1,35%-12,21%
Dólar PTAX (R$)5,6064-0,79%4,11%7,75%39,10%
DI Jan 2025 (bps)5,76%-4-355-69
S&P 500 (pts)3.397,160,34%0,72%3,85%5,15%

DESTAQUES: o risco fiscal marcou a semana passada e limitou os ganhos da bolsa. Contudo, com a Câmara dos Deputados mantendo o veto presidencial sobre o reajuste de salários, houve um movimento de certo otimismo quanto à retomada da agenda reformista, o que inclui as privatizações. Entre as maiores altas da bolsa, as ações ON da Eletrobras subiram 7,07%. Outras altas relevantes foram da resseguradora IRB (IRBR3 +12,31%) e Hering (HGTX3 +9,98%).

DESEMPREGO: o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) de julho apontou para um saldo positivo de 131 mil empregos formais. O número veio bem acima do esperado. Especialistas apontam para o descasamento entre a Pnad Covid do IBGE e o dado publicado pelo Ministério do Trabalho. Apesar de positivo, o Caged pode estar refletindo, em parte, o sucesso do Benefício Emergencial de Preservação do Emprego e da Renda (BEm). É importante ter em mente que o BEm é um programa temporário e pode ainda estar ocorrendo subnotificação. (Valor)  

PRÓ-BRASIL: O governo promete enviar na próxima terça-feira um projeto de lei para remanejar R$ 5 bilhões para investimentos no Orçamento de 2020. Os recursos serão distribuídos para o Pró-Brasil sob o comando dos ministros Rogério Marinho, do Desenvolvimento Regional, e Tarcísio de Freitas, da Infraestrutura. Uma parte será reservada para indicação de senadores. O Senado quer R$ 3 bilhões do programa Pró-Brasil para tocar obras indicadas pelos integrantes da Casa. O Planalto impôs um limite de R$ 1, 8 bilhão.  A relação entre o Executivo e o Senado está complicada desde que a Casa derrubou o veto do presidente. (Pode 360)
 
DÉFICIT PÚBLICO: uma matéria exclusiva do Valor, aponta que com a multiplicação do déficit público e a piora nas condições do mercado, o “colchão de liquidez” do Tesouro Nacional teria caído para um patamar muito próximo ao limite prudencial de cerca de três meses de vencimentos. A situação atual ainda está sob controle, mas para os quatro primeiros meses de 2021, a situação é mais desafiadora, com ao menos R$ 443 bilhões de vencimentos previstos.
 
AUXÍLIO EMERGENCIAL: Bolsonaro, em vídeo publicado no YouTube, frisou que governo federal fez a sua parte criando programas de ajuda a pequenas e médias empresas e também o auxílio emergencial de R$ 600, mas, esses programas não podem ser mantidos indefinidamente. “Esse valor pode não ser muito para quem o recebe, mas é muito para o Brasil, que gasta por mês R$ 50 bilhões.” Ele voltou a criticar as medidas de isolamento pedindo para que o comércio reabra com responsabilidade para que o Brasil volte a gerar empregos.
 

PANDEMIA NO BRASIL: o país ultrapassou os 114,7 mil mortos com 3,6 milhões de casos confirmados. (Ministério da Saúde)


OBSERVATÓRIO INTERNACIONAL 
DESTAQUES EXTERNOS: apesar dos sinais mistos sobre a recuperação da economia americana, o Nasdaq e o S&P 500 encerrando a semana em níveis recordes.

DADOS ECONÔMICOS: os índices de gerentes de compras (PM) para os EUA foram surpreendentes. O PMI industrial avançou a 53,6 pontos, acima da expectativa de 51,5 pontos. Já o indicador do setor de serviços subiu a 54,8 pontos, ante a projeção de leitura de 51 pontos. Para o PMI, valores acima dos 50 pontos indicam uma expansão do setor. (WSJ)

ELEIÇÕES EUA: nesta semana se inicia a convenção do Partido Republicano que se concentrará nos destaques do primeiro mandato de Trump, em especial no período pré-pandemia. Os republicanos disseram que sua convenção ofereceria uma mensagem mais esperançosa, com ênfase em “lei e ordem”, direitos de armas, cortes de impostos e os homens e mulheres “esquecidos” da América. Além disso, Trump deverá focar no contraste pessoal com Biden. (Reuters)

CORONAVÍRUS: a FDA (Food and Drug Administration) aprovou no domingo o uso de plasma sanguíneo de pessoas recuperadas para tratar pacientes hospitalizados com coronavírus. No mundo, o número de casos confirmados chegou a 23,4 milhões e os óbitos ultrapassaram 809 mil. Nos EUA, os infectados somam 5,70 milhões e as mortes chegaram a marca dos 176,8 mil. (Johns Hopkins)

HOJE: as bolsas asiáticas fecharam em alta. Na Europa, os índices avançam mais de 2%. Os futuros de Wall Street também apontam para uma abertura de ganhos com o otimismo em relação ao tratamento de Covid-19.

As informações contidas neste material têm caráter meramente informativo, não constitui e nem deve ser interpretado como solicitação de compra ou venda, oferta ou recomendação de qualquer ativo financeiro, investimento, sugestão de alocação ou adoção de estratégias por parte dos destinatários. Este material é destinado à circulação exclusiva para a rede de relacionamento da Órama Investimentos, incluindo agentes autônomos e clientes, podendo também ser  divulgado no site e/ou em outros meios de comunicação da Órama. Fica proibida sua reprodução ou redistribuição para qualquer pessoa, no todo ou em parte, qualquer que seja o propósito, sem o prévio consentimento expresso da Órama.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s