Alta no Índice Geral de Preços-Mercado e os últimos destaques

RESUMO DOS MERCADOS

   Cotação  Dia Semana Mês Ano
Ibovespa (pts)102.142,901,51%0,61%-0,74%-11,68%
Dólar PTAX (R$)5,4679-2,28%-2,47%5,09%35,66%
DI Jan 2025 (bps)5,82%-11661-63
S&P 500 (pts)3.508,010,67%3,26%7,24%8,58%

BRASIL EM FOCO

DESTAQUES: com a firme alta do Ibovespa na sexta-feira, o índice fechou a semana no terreno positivo. O alívio veio tanto do exterior, quanto da sinalização de que o Paulo Guedes terá mais tempo para apresentar sua proposta para o Renda Brasil. 

A QUESTÃO FISCAL: O presidente Jair Bolsonaro deve apresentar na terça-feira (01/09) uma medida provisória prorrogando o auxílio emergencial por mais 4 parcelas no valor de R$ 300. O auxílio atual de R$ 600, tem cronograma de pagamentos até meados de dezembro. Com a renovação os beneficiários devem receber até março de 2021. O Poder360 apurou que o Renda Brasil será apresentado ao Congresso apenas daqui a algumas semanas — e não mais no final de agosto, como se esperava. ( Poder 360)

DESEMPREGO: a taxa de desocupação do país no 2º trimestre de 2020 foi de 13,3%, aumento de 1,1 ponto percentual em relação ao 1º trimestre de 2020 (12,2%). Na comparação com o mesmo trimestre de 2019 (12,0%), houve acréscimo de 1,3 p.p. (IBGE)

IGP-M: o Índice Geral de Preços-Mercado (IGP-M) teve alta de 2,74% em agosto. No ano, acumula alta de 9,64% e em 12 meses a alta é de 13,02%. (G1)

ORÇAMENTO: a Proposta de Orçamento para 2021 chega ao Congresso nesta segunda, mas ainda sem uma data para instalação da Comissão Mista de Orçamento (CMO). Desde que o Parlamento passou a adotar sessões online, nenhuma comissão deliberativa está em funcionamento. A relatoria do PLOA (Projeto de Lei Orçamentária Anual) caberá ao senador Márcio Bittar (MDB-AC). Atenção para a atualização do cenário econômico. O texto que norteia a elaboração do Orçamento foi apresentado em abril não incluía os efeitos da Covid-19 e considerava IPCA em 2020 em 3,05%, Selic de 3,77%, taxa de câmbio a R$ 4,42 por dólar e o preço do barril de petróleo em US$ 41,87.  (Agência Câmara de Notícias)

MARCO DO GÁS NATURAL: a Câmara dos Deputados pode votar na terça-feira (01/09) o projeto do novo marco regulatório do setor de gás natural (PL 6407/13). O texto prevê autorização, em vez de concessão, para o transporte de gás natural e estocagem em jazidas esgotadas de petróleo. A outorga dessa autorização para a construção ou ampliação de gasodutos deverá ocorrer após chamada pública a ser realizada pela Agência Nacional do Petróleo (ANP). Se houver mais de um interessado para a construção de um gasoduto, a agência deverá realizar processo seletivo público. Essas autorizações não terão tempo definido de vigência e somente poderão ser revogadas a pedido da empresa, se ela falir ou descumprir obrigações de forma grave, se o gasoduto for desativado, ou se a empresa interferir ou sofrer interferência de outros agentes da indústria do gás. O texto também acaba com a exclusividade dos estados na atividade de distribuição de gás natural, seja diretamente ou por concessão, permitindo ainda sua exploração pelas concessionárias privadas de energia elétrica. (Agência Câmara de Notícias)

CORONAVÍRUS NO BRASIL: o país acumula 3,86 milhões de casos confirmados e 120,9 óbitos em decorrência da Covid-19. A média móvel de 7 dias de óbitos, por sua vez, é de 875, a menor desde 21 de maio. O índice caiu constantemente ao longo da última semana. (Ministério da SaúdeO Globo)


OBSERVATÓRIO INTERNACIONAL 

DESTAQUES EXTERNOS: com a perspectiva de juros mais baixos por mais tempo, os índices americanos fecharam na sexta no terreno positivo com o S&P 500 anotando novo recorde, o sexto consecutivo.  

ELEIÇÕES E PROTESTOS NOS EUA: após Jacob Blake, um homem negro, ser atingido por tiros nas costas disparados por um policial branco, a cidade de Kenosha no estado de Wisconsin, se tornou o novo centro de protestos antirracistas e contra a violência policial. Esses protestos tiveram focos de vandalismo e destruição de patrimônio, e acabaram entrando no discurso de “lei e ordem” de Donald Trump durante a Convenção Republicana da semana passada. Trump anunciou a intenção de visitar a cidade essa semana, mas Democratas temem que a presença do presidente, defendendo o aumento do uso da “força”, possa piorar a situação de agitação social. (Reuters)   

TIK TOK E RELAÇÃO EUA-CHINA: de acordo com uma pesquisa nacional da Reuters / Ipsos, 40% dos americanos apoiam as ameaças do presidente Donald Trump de proibir o aplicativo TikTok se ele não for vendido a um comprador americano Entre os republicanos, 69% disseram apoiar a ordem do presidente, enquanto apenas 32% disseram estar familiarizados com o aplicativo. 21% dos democratas também apoiaram a ordem de Trump e 46% disseram estar familiarizados com o TikTok. ( ReutersAs negociações, contudo, deram uma desacelerada pois, na sexta-feira, a China emitiu novas restrições à exportação de tecnologia de inteligência artificial. (WSJ)

CORONAVÍRUS: A Índia está se tornando o novo epicentro da pandemia e ultrapassou as fatalidades do Mèxico, assumindo o 3º lugar global, atrás apenas dos EUA e do Brasil. Nos EUA, campus universitários vem contribuindo para a aceleração no número de novos casos. Os infectados somam 5,99 milhões e as mortes chegaram a marca dos 183 mil. No mundo, o número de casos confirmados chegou a 25,13 milhões e os óbitos ultrapassaram os 845 mil. (Johns Hopkins)

HOJE: Na Ásia, as bolsas fecharam sem direção definida. Os índices na Europa também operam sem catalisador, oscilando perto da estabilidade. Em Wall Street os futuros apontam para uma abertura em alta.

Um comentário em “Alta no Índice Geral de Preços-Mercado e os últimos destaques

Deixe uma resposta