Vacinação no Brasil começa nesta quarta: vacinas são enviadas hoje para os Estados e os últimos destaques

Segunda-feira, 18 de janeiro de 2021

RESUMO DOS MERCADOS

Cotação DiaSemanaMêsAno
Ibovespa (pts)120.348,80-2,54%-3,78%1,12%1,12%
Dólar PTAX (R$)5,27140,18%-1,81%1,44%1,44%
DI Jan 2025 (bps)6,59%13369494
S&P 500 (pts)3.768,25-0,72%-1,48%0,32%0,32%

BRASIL EM FOCO 

DESTAQUES

Na sexta-feira, o dia foi de realização no exterior e no Brasil e as bolsas também reagiram ao aumento das incertezas da pandemia quanto à retomada da demanda, mesmo após o plano de estímulos de Joe Biden. No Brasil em especial, o colapso do sistema de saúde em Manaus e as indefinições relativas ao plano de imunização levaram a uma queda mais acentuada. Desde de outubro de 2020, o Ibovespa não registrava um recuo dessa magnitude.

VACINAÇÃO NO BRASIL

A ANVISA autorizou, no domingo (17), o uso emergencial das vacinas CoronaVac e AstraZeneca/Oxford. O Ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, afirmou que a vacinação começará no próximo dia 20 pelos grupos prioritários como profissionais da saúde, idosos e indígenas. As vacinas serão enviadas hoje para os Estados e os mesmos serão os responsáveis pela distribuição aos municípios. (Valor)

ELEIÇÕES NA CÂMARA

O PSOL, com 10 cadeiras, decidiu na última sexta-feira (15) lançar Luiza Erundina como candidata própria à presidência da Câmara. A bancada está dividida mas, em resolução divulgada após o encontro, ressaltou que se a parlamentar não chegar ao segundo turno, “orienta o voto da bancada do PSOL no candidato que representar uma alternativa àquele apoiado pelo governo Jair Bolsonaro”.  O NOVO também anunciou candidatura própria, lançando Marcel Van Hattem ao pleito. Esse movimento dos partidos tende a acirrar ainda mais a disputa no próximo dia 1° e, ao dividir votos, eleva a chance de um segundo turno. (Folha)

SITUAÇÃO NO AMAZONAS

Em ofício encaminhado pela Advocacia-Geral da União (AGU) ao Supremo Tribunal Federal (STF), a AGU afirma que o Ministério da Saúde teve reuniões com as autoridades locais do Amazonas entre os dias 03 e 04 de janeiro, nas quais fora informado que “[havia] possibilidade iminente de colapso do sistema de saúde, em 10 dias, devido à falta de recursos humanos para o funcionamento dos novos leitos […] Estima-se um substancial aumento de casos, o que pode provocar aumento da pressão sobre o sistema, entre o período de 11 a 15 de janeiro, em função das festividades de Natal e réveillon”. (O Globo)

COMISSÃO REPRESENTATIVA

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), encaminhou um ofício, na sexta-feira (15), ao presidente do Senado e do Congresso, Davi Alcolumbre. Nele pede a convocação da Comissão Representativa do Congresso Nacional, “para avaliar a grave situação atravessada pelo Amazonas em razão do recrudescimento da pandemia de Covid-19 naquele estado, bem como debater medidas que estejam ao alcance deste órgão e que possam contribuir para solucionar as dificuldades prementes que se colocam diante do povo amazonense e de todo o País”. (Agência Câmara de Notícias)

CORONAVÍRUS NO BRASIL

Nas últimas 24h foram registrados 33 mil novos casos e 551 mortes. Desde o início da pandemia, o país acumula 209 mil óbitos e 8,5 milhões de casos confirmados de Covid-19. (Ministério da Saúde)


OBSERVATÓRIO INTERNACIONAL 

DESTAQUES EXTERNOS

Os índices em Nova York fecharam em queda devido aos dados fracos de vendas no varejo dos Estados Unidos e à perspectiva de aumento de impostos para o financiamento do pacote fiscal anunciado por Biden. O noticiário da pandemia também segue no radar dos investidores.

VAREJO EUA

As vendas no varejo dos Estados Unidos contraíram 0,7% em dezembro, em relação ao mês anterior, após uma queda de 1,4% (revisada) em novembro. Esse resultado refletiu o aumento de contágio, o que levou ao fechamento de lojas e restaurantes em diversos estados. (Bloomberg)

IMPEACHMENT DE TRUMP

O julgamento do impeachment de Donald Trump deve se iniciar nesta semana no Senado. Uma parte dos democratas acredita que é possível conciliar a agenda de início de mandato de Joe Biden com um julgamento no Senado. A presidente da Câmara Nancy Pelosi, porém, disse na sexta-feira que avançar rapidamente com o pacote de ajuda e recuperação econômica  de US$ 1,9 trilhão é questão de urgência. ( AP News)

POSSE DE BIDEN

 O FBI está examinando todos os 25.000 membros da Guarda Nacional que estão sendo deslocados para Washington no dia da posse de Joe Biden. O grande medo este ano é de um ataque interno ou outra ameaça de pessoas envolvidas no próprio serviço de segurança. O FBI cruzará os nomes dos responsáveis pela proteção de Biden com base de dados e lista de suspeitos. A dificuldade é que o número de envolvidos é duas vezes e meia maior do que os observados em cerimônias anteriores e as ameaças não são relacionadas ao terrorismo internacional, mas a extremistas de direita, supremacistas americanos.(CNBC)

CHINA

A economia chinesa cresceu 2,3% em 2020, se expandindo 6,5% no último trimestre e ficando acima das expectativas de 6,2%. A Produção Industrial  teve alta de  7,3% em dezembro em relação ao mesmo período do ano passado e no acumulado de 2020 subiu 2,8%. Isso deixa a segunda maior economia do mundo impulsionando o crescimento global e potencialmente ultrapassando o PIB dos EUA antes do esperado. (Bloomberg)  

CORONAVÍRUS

Nos EUA, os casos de Covid-19 já somam 23,9 milhões e as mortes ultrapassaram 397 mil.No mundo, são 95 milhões de infectados e 2 milhões de óbitos. (Johns Hopkins / Financial Times)

HOJE

Nos Estados Unidos as bolsas estarão fechadas devido ao feriado de Martin Luther King. Na Ásia, os índices fecharam sem direção definida e as bolsas europeias operam entre leves ganhos e perdas, sem um catalisador definido. Hoje a agenda segue fraca com a divulgação relevante do IBC-Br (Nov).

Deixe uma resposta