Copom mantém taxa Selic em 2% ao ano e retira forward guidance e os últimos destaques

Quinta-feira, 21 de janeiro de 2021

RESUMO DOS MERCADOS

Cotação DiaSemanaMêsAno
Ibovespa (pts)119.646,40-0,82%-0,58%0,53%0,53%
Dólar PTAX (R$)5,30330,17%0,61%2,05%2,05%
DI Jan 2025 (bps)6,45%-9-148080
S&P 500 (pts)*        3.851,851,39%2,22%2,55%2,55%

BRASIL EM FOCO 

DESTAQUES

O Ibovespa perdeu o patamar dos 120 mil pontos, recuando na contramão das bolsas no exterior. Incertezas quanto ao plano de vacinação nacional e sobre a manutenção do regime fiscal no Brasil pesaram no índice, no dia que a posse de Biden ditou o tom positivo dos mercados nos EUA.  

DECISÃO DO COPOM

O Comitê de Política Monetária (COPOM) decidiu manter a taxa Selic em 2% ao ano e retirar o forward guidance, em linha com o esperado pelo mercado. No comunicado, o Comitê destacou que “as expectativas de inflação, assim como as projeções de inflação de seu cenário básico, estão suficientemente próximas da meta de inflação para o horizonte relevante da política monetária. Como consequência, o forward guidance deixa de existir e a condução da política monetária seguirá, doravante, a análise usual do balanço de riscos para a inflação “. (BCB)

VACINAÇÃO NO BRASIL

A Fiocruz planeja entregar ao governo 210,4 milhões de doses de vacina contra a covid-19 em 2021. Mas o montante, somado a outras vacinas disponíveis no país, ainda não será suficiente para imunizar toda a população brasileira este ano. (Valor)

ATRASO DA VACINA

O Ministro de Relações Exteriores, Ernesto Araújo, negou que problemas políticos e diplomáticos tenham resultado na dificuldade de importação dos insumos da China e das doses prontas da Índia e atrasado as negociações do Brasil com os países. Araújo, alega que o atraso ocorre devido a problemas burocráticos e à elevada demanda internacional. O ministro da Casa Civil, Walter Souza Braga Netto, Tereza Cristina, da Agricultura, o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, e o ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque estão coordenando esforços para intermediar essas negociações. (Agência Câmara / Valor)

RELAÇÕES BRASIL – ESTADOS UNIDOS

A nova porta-voz do governo dos Estados Unidos Jen Psaki disse em sua primeira entrevista coletiva que: não há data para conversar com o Brasil. O presidente brasileiro Jair Bolsonaro cumprimentou Biden pelo Twitter, mas a relação entre os países pode ser dificultada pelo posicionamento distinto que possuem em relação à preservação da Amazônia. A agenda ambiental foi destaque tanto na fala de Psaki quanto de Biden. (O Globo

CORONAVÍRUS NO BRASIL

Nas últimas 24h foram registrados 64 mil novos casos e 1.340 mortes. Desde o início da pandemia, o país acumula 212 mil óbitos e 8,6 milhões de casos confirmados de Covid-19. (Ministério da Saúde)


OBSERVATÓRIO INTERNACIONAL 

DESTAQUES

As bolsas americanas fecharam em máximas históricas motivadas pela expectativa dos investidores para a aprovação de novos pacotes de estímulos no governo Joe Biden. E na Europa os mercados encerraram o pregão em alta com o otimismo global repercutindo a posse do novo presidente americano.

POSSE DE BIDEN

Em seu discurso de posse, Joe Biden pediu a unidade como o caminho a seguir para o país. “Restaurar a alma e garantir o futuro da América exige muito mais do que palavra, exige o mais elusivo de todas as coisas em uma democracia: a unidade.”  Já como presidente, Biden recolocou os EUA no Acordo de Paris, sinalizando o compromisso com a agenda ambiental. (WSJ)

CHINA IMPÕE SANÇÕES A EX- FUNCIONÁRIOS DE TRUMP

Logo após a posse Joe Biden, a China impôs sanções a 28 ex-funcionários de Trump, entre eles o ex-secretário de Estado, Mike Pompeo, a ex-embaixadora dos Estados Unidos na ONU, Kelly Craft, o ex-assessor de Segurança Nacional, John Bolton, entre outros. Tais ex-funcionários agora estão proibidos de entrar na China, Hong Kong e Macau, além de não poderem realizar negócios com empresas chinesas. (Bloomberg

CORONAVÍRUS NA CHINA

O país comunicou um aumento nos novos casos de Covid-19, mesmo com uma série de medidas adotadas recentemente. A província de Heilongjang registrou o maior aumento diário de novos casos até o momento. Essa é a pior onda de novas infecções desde março de 2020. Com isso, autoridades chinesas estão pedindo à população para ficarem em casa durante o feriado de Ano Novo Lunar que acontece entre os dias 11 e 13 de fevereiro. (Reuters

RECUPERAÇÃO ECONÔMICA

Durante a 5° reunião plenária do Conselho do Estado, o primeiro-ministro chinês Li Keqiang disse que a China continuará apoiando a recuperação econômica para que as empresas possam estar mais confiantes no desenvolvimento, mantendo a estabilidade e a sustentabilidade de suas políticas macroeconômicas. (The State Council the people’s republic of China

TEMPORADA DE BALANÇOS

A Netflix reportou durante a sessão um crescimento de 200 milhões no número de assinantes. E o Morgan Stanley apresentou receitas líquidas no ano de US$ 48,2 bi , alta de 16% em relação a 2019.  (WSJBloomberg)  

CORONAVÍRUS

Nos EUA, os casos de Covid-19 já somam 24 milhões e as mortes ultrapassam 405 mil. No mundo, são 96 milhões de infectados e 2 milhões de óbitos. (Johns Hopkins)

HOJE

O mercado asiático fechou em campo positivo, seguindo o fechamento das bolsas americanas de ontem. O Banco Central Japonês (BOJ) anunciou a manutenção da sua taxa de juros em -0,1%. As bolsas europeias operam em alta em sua maioria nesta manhã, assim como os futuros americanos, ainda sob o otimismo após a posse do novo presidente dos Estados Unidos. Fica no radar dos investidores no dia, o indicador de pedido de seguro-desemprego semanal dos Estados Unidos, a decisão do Banco Central Europeu sobre política monetária às 9:45 e a entrevista de Christine Lagarde (presidente do banco) marcada para às 10:30.

Deixe uma resposta