Petróleo tem alta após bloqueio no canal do Suez e os últimos destaques

Segunda-feira, 29 de março de 2021

RESUMO DOS MERCADOS

Cotação DiaSemanaMêsAno
Ibovespa (pts)114.780,600,91% -1,24%4,31%-3,56%
Dólar PTAX (R$)5,70420,81%3,56%3,15%9,76%
DI Jan 2025 (bps)8,12%155689247
S&P 500 (pts)3.974,541,66%1,57%4,29%5,82%

BRASIL EM FOCO 

DESTAQUES

O Ibovespa fechou em alta influenciado pelo bom desempenho das bolsas nos Estados Unidos, mas o resultado não apagou a queda semanal de 1,24%. No cenário interno, a desconfiança dos investidores quanto ao remanejamento de mais de R$ 25 bilhões no Orçamento de 2021, em parte para emendas parlamentares, impediu um desempenho mais robusto do índice. 

ORÇAMENTO

O ministro Paulo Guedes informou ao presidente Bolsonaro que o Orçamento de 2021 ficará “inexequível” com as manobras contábeis aprovadas pelo Congresso para acomodar as emendas parlamentares. Segundo cálculos da equipe econômica, a máquina do governo teria que funcionar com apenas R$ 49,5 bi até o final do ano , representando quase metade do que os especialistas consideram ser o patamar mínimo para não haver uma paralisação. As despesas discricionárias garantem o funcionamento da máquina pública, tendo o governo a liberdade de cortá-las. Os demais gastos, como os pagamentos da previdência e os salários dos servidores, são obrigatórios e representam cerca de 90% do Orçamento. Os ministérios deverão ter um corte de 51,3% nas despesas de custeio e investimento. No encontro ocorrido na quinta-feira (25), Guedes comunicou ao presidente que teria que fazer um corte dramático nas despesas para não estourar o teto de gastos. ( Estadão)

BNDES

A instituição divulgou um comunicado estabelecendo um cronograma de devolução antecipada de empréstimos ao Tesouro Nacional. A proposta considera a “possibilidade” de pagar R$ 62 bi até dezembro deste ano, além de devolver R$ 54,2 bi antecipadamente até o fim de 2022. O saldo, R$ 116,2 bi, representa o montante remanescente das dívidas entre o BNDES e o Tesouro. Segundo a publicação, o BNDES alega que concordou com o Ministério da Economia sobre o plano de liquidação antecipada de passivos junto ao Tesouro Nacional. O documento foi encaminhado na sexta-feira (26) para apreciação do TCU. (Valor)

PETRÓLEO

commodity fechou a sexta-feira em forte alta, após a operadora do navio cargueiro Ever Given, que está bloqueando o Canal de Suez, afirmar que levará três dias para desencalhar a embarcação. O contrato do tipo Brent registrou alta de 4,22% a US$ 64,57 por barril, enquanto o WTI apresentou elevação de 4,11% ficando em US$ 60,97 na Bolsa de Nova York. Apesar dos ganhos, o petróleo encerrou a semana perto da estabilidade. As companhias de transporte naval reportaram mais de 300 navios parados nas saídas do canal. As operadoras estão avaliando os custos de esperar o desbloqueio do trajeto contra um aumento de dezenas de milhares de dólares nos custos das viagens para redirecionar as rotas. (Valor)

MINISTÉRIO DAS RELAÇÕES EXTERIORES

Um grupo com mais de 300 diplomatas publicou no sábado (27) uma carta pública acusando a política externa atual de causar “graves prejuízos para as relações internacionais e à imagem do Brasil”, além de pedir a saída do chanceler brasileiro, Ernesto Araújo. O ministro atravessa a sua maior crise desde que assumiu o comando do Itamaraty, sendo ameaçado de demissão em razão de pressões feitas pela cúpula do do Congresso, militares e empresários. Entre os signatários do memorando, há ao menos dez embaixadores. De acordo com uma das diplomatas que apoiou a publicação, o sentimento geral na pasta é de “vergonha e frustração”. (Folha)

VACINAÇÃO

Na sexta-feira (26) o Instituto Butantan anunciou a criação de uma nova vacina contra o coronavírus, chamada ButanVac. A instituição já solicitou a autorização à Anvisa para iniciar os estudos clínicos em voluntários. Os testes devem começar em abril e a fabricação em maio, com perspectivas de disponibilidade de 40 milhões de doses a partir de julho. No sábado (27), a Anvisa anunciou a suspensão do prazo de análise de pedido emergencial da vacina Sputnik V, desenvolvida pela Rússia, em razão da falta de apresentação de dados solicitados pela agência reguladora. Apesar da suspensão, a análise das demais informações entregues pela União Química continua. Ontem (28), a Fiocruz recebeu duas remessas importadas da China do IFA, insumo para produção de certa de 12 milhões de vacinas da Oxford/AstraZeneca. (Estadão / G1)

CORONAVÍRUS NO BRASIL

Nas últimas 24h, foram registrados 44 mil novos casos e 1.656 mortes. Desde o início da pandemia, o país acumula 312 mil óbitos e 12 milhões de casos confirmados de Covid-19. (Ministério da Saúde)

OBSERVATÓRIO INTERNACIONAL 

DESTAQUES

Os índices em Nova York encerraram a sessão de sexta-feira em alta. O Dow Jones e o S&P 500 registraram novos recordes de fechamento aos 33.072,88 e 3.974,54 pontos respectivamente e o Nasdaq subiu 1,24%. As ações do setor de energia lideraram os ganhos do S&P 500 influenciadas pela alta do petróleo dada a interrupção do Canal de Suez. As bolsas na Europa fecharam em linha com as norte-americanas.

ACORDO COMERCIAL EUA-REINO UNIDO

Um acordo comercial entre os países se tornou menos provável de ocorrer antes de 2023. De acordo com a Bloomberg, o governo de Joe Biden estaria focado em outras prioridades, como a China e investimentos em programas domésticos para impulsionar a economia local. O primeiro-ministro britânico esteve em contato com Joe Biden na sexta-feira (26), mas não fez menção às negociações comerciais. Boris Johnson e seus aliados gostariam de um acordo rápido como uma demonstração do sucesso da saída do Reino Unido da União Europeia. ( Bloomberg)

CANAL DE SUEZ

Companhias marítimas estão redirecionando seus navios, recusando novos clientes e registrando longos atrasos nas entregas. Mesmo que a embarcação seja removida imediatamente, um atraso em razão da quantidade de navios que estão aguardando para passar pelo trajeto duraria dias e os desvios de carga poderiam impactar o tráfego portuário ao redor do mundo por semanas. O Canal de Suez é responsável por quase 13% do comércio marítimo e cerca de 10% dos embarques de petróleo. A Allianz, uma das grande seguradoras da Alemanha, estimou que o bloqueio poderia reduzir o comércio global em até US$ 10 bi por semana, representado de 0,2 a 0,4 pontos percentuais do crescimento anual do comércio. A A.P. Moller-Maersk, a maior operadora de navios de contêineres do mundo, disse no domingo que redirecionou 15 de seus navios para longe do Canal de Suez e está rejeitando alguns novos clientes enquanto avalia sua capacidade. (WSJ)  

PANDEMIA NA FRANÇA

O número de pacientes com Covid-19 aumentou nas UTIs francesas e os médicos temem que uma terceira onda de infecções poderia sobrecarregar as unidades de saúde. Cerca de 41 médicos de hospitais da região de Paris assinaram um artigo no jornal Le Journal du Dimanche alertando que os profissionais em breve poderão ter que começar a escolher entre os pacientes para tratamento de emergência. Os cientistas vem argumentando que as medidas de bloqueio parcial adotadas pelo governo são inadequadas diante da rápida disseminação. O presidente da França, Emmanuel Macro, defendeu a sua decisão esta semana, de não impor um terceiro bloqueio total, além de manter as escolas abertas, entretanto, afirmou que novas restrições provavelmente seriam necessárias. (Reuters)

RELAÇÕES SINO-AMERICANAS

Os Estados Unidos condenaram no sábado as sanções impostas pela China contra dois americanos defensores da liberdade religiosa e um legislador canadense na disputa sobre o tratamento de Pequim a muçulmanos uigres e outras minorias. Segundo o secretário de Estado, Antony Blinken, “os movimentos da China só contribuem para o crescente escrutínio internacional do genocídio em curso e dos crimes contra a humanidade em Xinjiang. Estamos solidários com o Canadá, o Reino Unido, a UE e outros parceiros e aliados em todo o mundo para pedir à (China) que acabe com as violações e abusos dos direitos humanos.” Ativistas e especialistas em direitos humanos da ONU dizem que pelo menos um milhão de muçulmanos foram detidos em campos em Xinjiang. A China negou repetidamente todas as acusações de abuso e disse que seus campos oferecem treinamento profissional e são necessários para combater o extremismo. (Reuters)

CORONAVÍRUS NO MUNDO

Nos EUAos casos de Covid-19 já somam 30 milhões e as mortes ultrapassam 549 mil. No mundo são 127 milhões de infectados e 2,7 milhões de óbitos. (Johns Hopkins)

HOJE

Na Ásia, os mercados fecharam em alta e as bolsas europeias também operam no positivo. Os futuros americanos apontam para uma abertura em queda. Com uma agenda de divulgação de indicadores mais fraca, os investidores vão ficar de olho nos desdobramentos do Orçamento para 2021 e também na situação do ministro Ernesto Araújo. No campo internacional, a atenção está focada no Canal de Suez.

Deixe uma resposta