Ibovespa atinge alta histórica e os últimos destaques

Terça-feira, 01 de junho de 2021

RESUMO DOS MERCADOS

BrCotação DiaSemanaMêsAno
Ibovespa (pts)126.215,730,52%0,52%6,16%6,05%
DI Jan 2025 (bps)7,89%669224
Dólar PTAX (R$)5,23220,08%0,08%-3,17%0,68%
S&P 500 (pts)*4204,110,08%1,16% 0,55%11,93%
* 31/05 Feriado Memorial Day

BRASIL EM FOCO

DESTAQUES

Apesar do feriado americano ter diminuído a liquidez do mercado ontem, o Ibovespa encerrou as negociações do mês marcando nova máxima histórica tanto intradiária quanto de fechamento, e o terceiro mês seguido de alta. As commodities contribuíram para os ganhos do índice. As projeções do Focus e as notícias sobre a crise hídrica evidenciaram as maiores preocupações com a pressão inflacionária,e isso puxou os juros futuros para cima.

FOCUS

Conforme foi divulgado pelo Banco Central no Boletim Focus de ontem (31), as medianas das expectativas para o IPCA (5,24% para 5,31%), crescimento de PIB (3,52% para 3,96%) e Selic (5,50% para 5,75%) em 2021, se elevaram da semana passada para a atual, enquanto as estimativas de câmbio (R$ 5,30) foram mantidas. Para 2022, as expectativas se elevaram para o IPCA (3,67% para 3,68%), se reduziram para o PIB (2,30% para 2,25%), e se mantiveram constantes para o câmbio (R$ 5,30) e Selic (6,50%). ( BCB / Valor)

SUPERÁVIT

O setor público consolidado obteve superávit primário de R$24,3 bilhões em abril, conforme divulgou o BC nesta segunda-feira (31). Foi o maior registro para os meses de abril em toda a série histórica. O resultado refletiu um superávit do governo central de R$16,3 bilhões, de R$6,9 bilhões dos estados e municípios e de aproximadamente R$1 bilhão das estatais. Um ano antes, houve déficit de R$94,3 bilhões. ( Valor)

ENDIVIDAMENTO

A relação dívida bruta/PIB regrediu para 86,7% em abril, vindo de 89,1% no mês anterior. Esse recuo de 2,2% do PIB foi o maior desde março de 2010, e foi a segunda queda mensal consecutiva. Segundo o BC, essa melhora pode ser atribuída ao melhor PIB nominal. Além disso, se apontou que o custo de carregamento da dívida líquida do setor público variou de 7,3% em março para 6,6% em abril, no acumulado de 12 meses. ( CNNValor)

CRISE HÍDRICA

De acordo com o secretário especial de Fazenda do ministério da Economia, Bruno Funchal, a chegada de uma nova crise hídrica ao país por falta de chuvas gera risco à retomada da atividade econômica e pode ter impacto na inflação. Isso aconteceria pela limitação na capacidade do fornecimento de energia a partir do segundo semestre. Alguns especialistas não descartam blecautes durante os horários de pico de demanda, apesar deste ainda ser um cenário improvável para a maioria. ( FolhaValor)

CONFIANÇA

Segundo o FGV/IBRE, Índice de Confiança Empresarial subiu 7,9 pontos em maio, para 97,7 pontos, maior nível desde março de 2014. Em maio, os destaques setoriais foram novamente as altas da confiança do Comércio e dos  Serviços. Em março e abril, estes foram os dois segmentos que mais sofreram por causa do recrudescimento da pandemia. Com a vacinação mais aceleradalevantamento de medidas restritivas e volta do auxílio emergencial, os Índices de Confiança do Comércio e de Serviços também estão registrando patamares elevados. (IBRE / IBRE)

VACINAÇÃO

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, disse ter “certeza de que o país irá imunizar toda a população até o final deste ano”. De acordo com o ministro, estudos mostram que para cada 10% de população vacinada, o PIB cresce 0,13%. Atualmente, o país tem pouco mais de 10% da população imunizada com as duas doses. (Valor)

CPI DA PANDEMIA

A médica oncologista Nise Yamaguchi irá comparecer hoje à Comissão, no que é considerado o principal depoimento da semana. Ela é conhecida por ser defensora do uso da cloroquina e, por isso, teria atuado como conselheira do governo Bolsonaro durante parte da pandemia. O depoimento dela à comissão é importante porque o relator, senador Renan Calheiros (MDB-AL), investiga a existência de um “gabinete paralelo” para aconselhamento sobre a pandemia. (Valor)

CORONAVÍRUS NO BRASIL

Nas últimas 24h, foram registrados 30,4 mil novos casos e 860 mortes. Desde o início da pandemia, o país atingiu a marca de 462,8 mil óbitos e 16,5 milhões de casos confirmados de Covid-19. Foram aplicadas no Brasil 67,9 milhões de doses de vacina, sendo que 22,2 milhões de pessoas já receberam as duas doses do imunizante. ( Ministério da Saúde / G1)

OBSERVATÓRIO INTERNACIONAL 

DESTAQUES

Os índices acionários americanos não negociaram ontem, porque foi feriado de Memorial Day. 

PACOTE DE INFRAESTRUTURA

O governo Biden não descarta a opção de propor votação, mesmo sem entendimento dos congressistas republicanos, para o ambicioso plano de infraestrutura de Biden na volta do recesso do Congresso americano, dia 7 de junho. Um dos pontos de maior conflito é sobre a origem dos recursos que financiariam esses maiores gastos. Democratas querem taxar os mais ricos e as grandes empresas, o que é fortemente combatido pelos republicanos. (WSJ)

IMPOSTO GLOBAL

Segundo discurso de Angel Gurria, da OCDE, um novo imposto global para multinacionais não viria pelo menos até outubro.O objetivo desse imposto seria coordenar um alíquota mínima comum junto a um grupo de grandes economias, como o G-20. Com esse imposto, empresas multinacionais não conseguiriam mais realizar elisão fiscal com tanta facilidade.(Bloomberg) . 

PETRÓLEO

Em reunião virtual nesta manhã (01), o comitê da OPEP+ concluiu que o excesso global causado pela pandemia está perto do fim e os estoques vão diminuir rapidamente no segundo semestre. Os membros da aliança devem concordar em avançar com o plano de aumentar a produção a partir do próximo mês. Os produtores estão confiantes que o retorno do Irã ao mercado internacional não prejudicará o equilíbrio da oferta global. (Bloomberg)

CORONAVÍRUS NO MUNDO

Nos EUA, os casos de Covid-19 já somam 33,2 milhões e as mortes ultrapassam 594,6 mil. No mundo são mais de 170,6 milhões de infectados, e os óbitos estão na marca de 3,5 milhões. (Johns Hopkins)

HOJE

Na Ásia, as bolsas avançaram na primeira sessão do mês. Na Europa, os índices operam em alta de 1%, com as mineradoras e companhias de energia entre os destaques. Os futuros de Nova York apontam para uma abertura com lucros. O petróleo avança mais de 2%, com o futuro do WTI no maior patamar desde outubro de 2018. O Brent é negociado a US$ 70,74. O ouro é cotado a US$ 1.907. O yield dos treasuries de 10 anos está em 1,61%. Na agenda do dia tem o PIB e a Balança Comercial do Brasil.

Deixe uma resposta