Bolsa tem queda considerável e os últimos destaques

Quarta-feira, 07 de julho de 2021

RESUMO DOS MERCADOS

BrCotação DiaSemanaMêsAno
Ibovespa (pts)125.094,88-1,44%-1,98% -1,35%5,11%
DI Jan 2025 (bps)8,33%9 2027268
Dólar PTAX (R$)5,16451,77% 2,69% 3,24%-0,62%
S&P 500 (pts)4343,54-0,20%-0,20% 1,07%15,64%

BRASIL EM FOCO

DESTAQUES

O Ibovespa encerrou o pregão em queda considerável, diante da intensificação das tensões políticas em Brasília e mau desempenho das commodities. Os números externos de PMI mostraram a atividade econômica mais fraca e isso impactou o petróleo e as petroleiras listadas. Além disso, iniciativas de congressistas para mudar a proposta de reforma tributária foram percebidas como negativas pelo mercado.

REFORMA TRIBUTÁRIA

Políticos de diferentes vertentes estão apresentando possíveis alterações para o texto enviado pela equipe econômica. O relator da Reforma do Tributária, deputado Celso Sabino (PSDB-PA), afirmou a parlamentares que estuda tornar progressiva a taxa sobre distribuição de lucros e dividendos das empresas, com uma tabela por faixas nos moldes do que ocorre com o Imposto de Renda das Pessoas Físicas, ao invés dos atuais 20% para todos. Sabino comentou ainda que estão “no radar” as reclamações do setor imobiliário, mas sem conclusões até o momento. Já o ministro Paulo Guedes defende que sejam mantidos a alíquota dos dividendos em 20% e o fim dos juros sobre capital próprio, mas que se ataque, de forma acoplada no texto da Reforma, os subsídios a grandes empresas, principalmente de bebidas e do setor petroquímico. ( Valor/Estadão)

CPI DA COVID

Senadores da CPI da Covid pediram que o ex-governador do RJ Wilson Witzel e sua família sejam incluídos no programa de proteção a testemunhas antes de Witzel prestar depoimento acerca da situação da saúde no estado na sexta-feira (09). Na petição enviada à Comissão, o advogado do ex-governador alegou que os fatos que seu cliente tem a revelar “são gravíssimos e envolvem muitas pessoas e autoridades, o que coloca em risco a integridade física do peticionante e de seus familiares”. ( Valor)

PRIVATIZAÇÃO CORREIOS

A privatização dos Correios deverá ser realizada por meio da venda de 100% da empresa e a votação do projeto na Câmara, segundo o presidente Arthur Lira (PP-AL), deve ocorrer até o fim de agosto. Lira incluiu na segunda-feira (05) essa iniciativa na pauta de votação da casa, apesar do parecer ainda não estar completo. A expectativa é que a operação seja finalizada no início do ano que vem, após todas as etapas necessárias serem cumpridas. ( Valor)

STF

O presidente Jair Bolsonaro sinalizou a seus assessores, em reunião ministerial nesta terça-feira (06), que indicará André Mendonça, da AGU, para ocupar a vaga de Marco Aurélio Mello no STF. O ministro se aposentará compulsoriamente nesta semana, por completar 75 anos. Isso dará a Bolsonaro a chance de indicar o segundo ministro em seu mandato. Mendonça, um pastor presbiteriano, vinha sendo o mais cotado para a indicação, uma vez que Bolsonaro afirma que quer um ministro “terrivelmente evangélico” para o STF. Ele é considerado leal a Bolsonaro e sofre resistência de alguns senadores. ( G1)

COMISSÃO DO ORÇAMENTO

O Congresso instalará hoje (07), às 10h, a Comissão Mista de Orçamento (CMO), com a eleição do presidente de forma presencial e início dos trabalhos, que deveriam ter começado em abril. O colegiado correrá contra o tempo para aprovar a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2022 até a sexta-feira que vem, para permitir que o Legislativo saia de recesso. Mesmo com acordo para que Rose de Freitas (MDB-ES) seja a presidente, o PSD também deve disputar controle da CMO. ( Valor / Poder360)

CORONAVÍRUS NO BRASIL

Nas últimas 24h, foram registrados 62,5 mil novos casos e 1.780 mortes. Desde o início da pandemia, os casos confirmados de Covid-19 estão em 18,86 milhões, com 526,9 mil óbitos.Foram aplicadas no Brasil 106,2 milhões de doses de vacina, sendo que 27,8 milhões de pessoas já receberam as duas doses do imunizante. ( Ministério da Saúde / G1)

OBSERVATÓRIO INTERNACIONAL

DESTAQUES

Os índices acionários americanos fecharam mistos, com o Dow Jones e o S&P500 caindo 0,60% e 0,20% respectivamente, enquanto o Nasdaq subiu 0,17%. Números de PMI mais fracos, indicando atividade menos intensa, levaram os treasuries para os níveis mais baixos desde fevereiro, chegando a ser negociados a 1,36%. 

PMIs

Dados americanos de PMI vieram abaixo do esperado para o mês de junho, indicando atividade mais fraca que a expectativa e dando folga para os rendimentos dos treasuries de 10 anos. O PMI de não-manufatura foi o mais discrepante, vindo em 60,1 contra a expectativa de 63,5. Isso deu mais argumentos àqueles que acreditam que a inflação será transitória e que eventualmente a atividade econômica nos próximos meses não será tão exuberante quanto alguns players defendem. ( CNBC)

PREÇOS DE ALIMENTOS

Grandes redes de supermercados e atacadistas decidiram estocar diversos produtos como carne congelada, enlatados e até açúcar, antevendo aumentos de preços significativos para os próximos meses. Falta de trabalhadores, aumentos de salários e os altos custos para transporte estão influenciando as expectativas de inflação. (WSJ)

VACINAÇÃO NOS EUA

A meta do presidente Joe Biden de vacinar 70% dos americanos até 4 de julho não foi cumprida. O atraso não se deu pela falta de vacinas, mas devido ao fato das pessoas não quererem tomar as vacinas. A hesitação é mais pronunciada nas regiões rurais mais conservadoras, onde as autoridades de saúde estão cada vez mais preocupadas com a disseminação da variante delta levando a um aumento de casos. (Bloomberg)

ASSASSINATO DO PRESIDENTE DO HAITI

Jovenel Moïse foi morto a tiros por agressores não identificados em sua residência oficial durante a noite. O ataque ocorreu em meio a uma onda crescente de violência ligada à crise política do país. (Folha)

CORONAVÍRUS NO MUNDO

Nos EUA, os casos de Covid-19 já somam 33,7 milhões e as mortes ultrapassam 605,9 mil. No mundo são mais de 184,5 milhões de infectados, e os óbitos estão na marca de 3,99 milhões. (Johns Hopkins)

HOJE

Na Ásia, as bolsas fecharam sem direção definida. Na Europa, as bolsas operam positivas assim como os futuros das bolsas de Nova York. O barril Brent avança e é cotado a US$ 75,77. O ouro spot sobe, sendo negociado acima de US$ 1.808 a onça. O yield dos treasuries de 10 anos está em 1,33%. Na agenda do dia, a divulgação da ata do FOMC é muito aguardada pelo mercado e vamos acompanhar também os números do IGP-DI, de vendas no varejo do Brasil, oferta de empregos JOLTs.

Deixe uma resposta