Juros sobre capital próprio

Um dos pontos mais controversos do projeto de reforma tributária, que o governo apresentou ao Congresso, é o fim do juros sobre capital próprio. Em sua coluna para o Valor Investe, Alexandre Espirito Santo explica como funciona o JSCP e como seu fim afeta o investimento das empresas.

Penso que o problema é que tanto a tributação dos dividendos, quanto a eliminação dos JSCP, tendem a afetar para pior os investimentos das empresas.

Confira o post completo no blog do Valor Investe.

Deixe uma resposta