Setor de serviços ultrapassa nível pré-pandemia e os últimos destaques

Quinta-feira, 14 de julho de 2021

RESUMO DOS MERCADOS

BrCotação DiaSemanaMêsAno
Ibovespa (pts)128.167,740,45%2,18% 1,08%7,69%
DI Jan 2025 (bps)8,38%0 732273
Dólar PTAX (R$)5,1770-0,90%-1,19% 3,49%-0,38%
S&P 500 (pts)4369,21-0,35% -0,01% 1,67%16,32%

BRASIL EM FOCO

DESTAQUES

O Ibovespa fechou o dia em alta, após a apresentação das mudanças no projeto da reforma tributária. A divulgação da inflação americana, acima do esperado, gerou uma sessão volátil para o câmbio e para os DIs que, ao longo do pregão, chegaram perto das máximas do ano.

CRESCIMENTO DE SERVIÇOS

Segundo os dados da Pesquisa Mensal de Serviços divulgados ontem pelo IBGE, volume de serviços prestados no país teve alta de 1,2% em maio, frente a abril. Com o avanço, o setor voltou a ultrapassar o nível pré-pandemia e agora se encontra 0,2% acima do patamar de fevereiro de 2020, o último mês sem os efeitos da crise sanitária. O Instituto também revisou a variação do volume de serviços em abril versus março, de 0,7% para 1,3%. (IBGE /  Valor)

REFORMA TRIBUTÁRIA

O relator da reforma, Celso Sabino (PSDB-PA), apresentou parecer da segunda fase da reforma tributária, prevendo uma queda da alíquota base do IRPJ de grandes empresas de 25% para 12,5% em 2023, isentando a taxação de rendimentos de FIIs e eliminando a taxação de dividendos pagos dentro de um mesmo grupo societário, acabando com um grande problema para a estruturação de investimentos. Essas mudanças trariam uma redução de carga tributária da ordem de R$30 bilhões, que seriam compensadas com o fim de subsídios para mais de 20 mil empresas e aumento da arrecadação por causa do maior desenvolvimento econômico que o projeto traz. (Estadão / Valor)

SUPERSALÁRIOS

A Câmara aprovou, nesta terça-feira (13), um projeto que impõe barreiras ao pagamento de “supersalários” ao funcionalismo público, incluindo servidores civis e militares dos três Poderes. O texto visa atacar os “penduricalhos” que esses funcionários recebem, que são a principal fonte de ganhos além do teto salarial constitucional, de R$39,3 mil. O texto, que foi alterado na Câmara, será novamente apreciado pelo Senado. Caso seja aprovado sem alterações e sancionado pelo presidente Jair Bolsonaro, as regras passam a valer imediatamente. A expectativa é que sejam economizados cerca de R$3 bilhões por ano. (Estadão)

REUNIÃO ENTRE OS PODERES

Os chefes dos Três Poderes vão se reunir hoje em busca de uma espécie de trégua política. A reunião será realizada na sede do STF e foi proposta e articulada pelo presidente da Tribunal, Luiz Fux, que já tinha acertado essa agenda com Bolsonaro e agora também convidou o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), e o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL). (Valor /  Estadão)

NOMEAÇÃO STF

O presidente Jair Bolsonaro oficializou a indicação do advogado-geral da União, André Mendonça, ao STF. A decisão foi publicada ontem no Diário Oficial da União. O presidente Bolsonaro reafirmou várias vezes sua intenção de indicar um evangélico ao posto de ministro do Supremo e que buscava um perfil amigável, com boa relação pessoal. Mendonça, doutor em direito e com carreira na AGU, é a segunda indicação de Bolsonaro para o Tribunal e cumpre os dois requisitos. ( Poder360)

COMPARTILHAMENTO DE PROVAS

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, autorizou o compartilhamento de provas dos inquéritos das fake news e dos atos antidemocráticos com as ações do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). (Folha)

CORONAVÍRUS NO BRASIL

Nas últimas 24h, foram registrados 45 mil novos casos e 1.605 mortes. Desde o início da pandemia, os casos confirmados de Covid-19 estão em 19,15 milhões, com 535,8 mil óbitos. Foram aplicadas no Brasil 116,9 milhões de doses de vacina, sendo que 31,45 milhões de pessoas foram totalmente imunizadas, por terem recebido a segunda dose ou tomado a vacina de dose única. ( Ministério da Saúde / G1)

OBSERVATÓRIO INTERNACIONAL 

DESTAQUES

Os índices acionários americanos fecharam o pregão em baixa, com o Dow Jones, S&P500 e Nasdaq caindo 0,31%, 0,35% e 0,38%, respectivamente. Preocupações com a variante Delta do covid e os números de inflação CPI acima do esperado afetaram negativamente o mercado.

INFLAÇÃO CPI

A inflação dos consumidores americanos continuou acelerando no mês de junho e subiu 0,9%, atingindo alta acumulada de 5,4% nos últimos 12 meses, o maior valor desde 2008. Os núcleos de inflação, que excluem da conta os itens voláteis como alimentos e energia, sobem 4,5% no acumulado, o maior valor desde o início dos anos 90. A forte demanda e os problemas nas linhas de produção levam aumentos de preços desiguais entre diferentes bens e serviços. Os carros usados subiram 10,5% no mês por causa da escassez de carros novos, e foram responsáveis por 1/3 do resultado mensal do CPI (impacto de 0,3% no total de 0,9%). ( WSJ)

VARIANTE DELTA

O número de casos de Covid-19 nos EUA dobrou em relação a 3 semanas atrás, com média de casos ao redor de 23 mil por dia atualmente. A variante Delta, vem se mostrando aproximadamente 50% mais transmissível que o coronavírus “original” e de acordo com o CDC, praticamente todos os casos e mortes recentes no país foram de pessoas ainda não vacinadas. (WSJ)

ORÇAMENTO AMERICANO

Senadores democratas do Comitê de Orçamento concordaram de forma unilateral em um plano de gastar US$3,5 trilhões ao longo da próxima década em iniciativas de saúde, programas de auxílios às famílias e combate às mudanças climáticas. Ainda haverá discussões com outros senadores para acertar os detalhes e angariar apoio mais amplo. Esse projeto é separado do de infraestrutura, que planeja investir cerca de US$1 trilhão em rodovias, sistemas de água e saneamento e outras melhorias ao longo dos próximos anos. ( Bloomberg / WSJ)

TEMPORADA DE RESULTADOS

A divulgação de balanços do segundo trimestre em Wall Street começou ontem com o Goldman Sachs e o JPMorgan observando um aumento na receita de negociações. Bank of America, Citigroup, Wells Fargo e BlackRock reportam resultados hoje. (Bloomberg)

CORONAVÍRUS NO MUNDO

Nos EUA, os casos de Covid-19 já somam 33,9 milhões e as mortes ultrapassam 607,7 mil. No mundo são mais de 187,7 milhões de infectados, e os óbitos alcançaram a marca de 4,05 milhões. (Johns Hopkins)

HOJE

As principais bolsas asiáticas fecharam em queda. Na Europa, os índices também operam no negativo e os futuros de Wall Street apontam para uma abertura positiva. O barril Brent recua, sendo cotado a US$ 76,39. O ouro spot sobe e é negociado a US$ 1.817 a onça. O yield dos treasuries de 10 anos está em 1,39%. Na agenda do dia, além da temporada de resultados corporativos, os agentes acompanharão os dados de inflação de diversos países europeus e o PPI nos EUA. No Brasil o Banco Central divulga o IBC-Br e na madrugada a China apresenta o PIB do segundo trimestre, os números de produção industrial, vendas no varejo e desemprego.

Deixe uma resposta