Fundão Eleitoral deve ser reduzido para R$4 bilhões e os últimos destaques

Terça-feira, 27 de julho de 2021

RESUMO DOS MERCADOS

BrCotação DiaSemanaMêsAno
Ibovespa (pts)126.003,860,76%0,76% -0,63%5,87%
DI Jan 2025 (bps)8,38%9932273
Dólar PTAX (R$)5,18630,31%0,31% 3,68%-0,20%
S&P 500 (pts)4.422,300,24% 0,24% 2,90%17,74%

BRASIL EM FOCO

DESTAQUES

O Ibovespa fechou o dia em alta, apesar do continuado estresse nos DIs, causado pelo aumento de expectativas de inflação. As empresas do setor de commodities, bastante representativas para o principal índice brasileiro, registraram ganhos no dia de ontem e ajudaram a sustentar o pregão em território positivo.

BOLETIM FOCUS

A mediana das expectativas para o IPCA (6,31% para 6,56%), crescimento de PIB (5,27% para 5,29%), câmbio (R$5,05 para R$5,09) e Selic (6,75% para 7,00%) em 2021,se elevaram da semana passada para a atual. Para 2022, houve elevação para a mediana do IPCA (3,75% para 3,80%), enquanto as do PIB (2,10%), Selic (7,00%) e câmbio (R$5,20) permaneceram no mesmo patamar. (BCB / Valor)

FUNDÃO ELEITORAL

O presidente Bolsonaro afirmou que vetará somente parte dos recursos destinados ao fundão eleitoral, alegando que caso vete tudo, poderia ser enquadrado em crime de responsabilidade. Ele justificou essa postura dizendo que há uma lei garantindo valores próximos aos R$4 bilhões. Técnicos do Congresso avaliam que o presidente não tem o poder de vetar trechos separados do mesmo dispositivo. Na verdade, o que ele poderá é incluir na LOA qualquer valor depois de exercer seu direito de veto. Ou seja, Bolsonaro teria que derrubar integralmente o valor de R$ 5,7 bilhões e depois enviar um novo projeto estabelecendo os R$ 4 bilhões para o fundão . (O Globo / Valor)

CONFIANÇA DO CONSUMIDOR

Segundo a FGV, o Índice de Confiança do Consumidor no mês de julho subiu para 82,2 pontos, uma alta de 1,3 em relação ao mês de junho. Embora ainda positivo, o indicador começou a desacelerar na margem, sendo afetado principalmente pelo menor otimismo entre as famílias de renda mais baixa, devido ao avanço da inflação e pelo mercado de trabalho ainda fraco para esse estrato social. (IBRE / Valor)

VACINAÇÃO

Em entrevista coletiva, o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, culpou a burocracia estatal pela demora na entrega de vacinas que paralisou a imunização em pelo menos oito capitais. Respondendo a críticas como as de João Dória e Eduardo Paes, sobre estoques de vacinas do MS, Queiroga falou que de fato a Anvisa e a RF demoram para liberar os lotes em aeroportos, seguido pelo tempo necessário para o Programa Nacional de Imunizações preparar as pautas adequadas antes de enviar a seus destinos. Ele também afirmou que é “muito provável” o anúncio da redução do intervalo entre a primeira e a segunda dose da vacina da Pfizer, dos atuais três meses para 21 dias. (Valor)

CORONAVÍRUS NO BRASIL

Nas últimas 24h, foram registrados 19 mil novos casos e 578 mortes. Desde o início da pandemia, os casos confirmados de Covid-19 estão em 19,7 milhões, com 550,5 mil óbitos. Foram aplicadas no Brasil 134,4 milhões de doses de vacina, sendo que 38 milhões de pessoas foram totalmente imunizadas, por terem recebido a segunda dose ou tomado a vacina de dose única. ( Ministério da Saúde / G1)

OBSERVATÓRIO INTERNACIONAL 

DESTAQUES

Os índices acionários americanos fecharam o dia em nova alta, com o Dow Jones, S&P500 e Nasdaq avançando 0,24%, 0,24% e 0,03% respectivamente. A alta pouco expressiva resulta da combinação dos bons resultados corporativos com as dificuldades para alcançar um acordo entre democratas e republicanos acerca do pacote de infraestrutura.

INFRAESTRUTURA

A expectativa dos senadores americanos de chegarem a um acordo até ontem não foi concretizadaDetalhes como a maneira que levantariam recursos para infraestrutura sanitária, como seriam os pagamentos para empreiteiros e uma série de outras questões de projeto impediram o consenso. O grupo bipartidário original dos 10 senadores, que há semanas buscam a aceitação de seus colegas, acabaram deixando essas questões para serem resolvidas por um conselheiro chave da Casa Branca e o senador Rob Portman, de Ohio. ( Bloomberg / WSJ)

REGULAÇÃO CHINESA

O índice de ações de tecnologia de Hong Kong registrou quedas relevantes ao serem implementadas novas regulações no mercado de educação e tecnologia. Práticas “anti-competitivas” de gigantes de tecnologia chinesas serão corrigidas, o tratamento de trabalhadores de aplicativos será alterado e empresas de educação terão seu modus-operandi severamente impactado. Essas medidas são vistas como uma demonstração da força do governo chinês em direcionar os negócios no país. (WSJ)

DISCUSSÕES CHINA/EUA

Representantes americanos e chineses de alto escalão tiverem discussões tensas em solo chinês sobre as origens do covid, direitos humanos e cibersegurança. Acusações e frases fortes foram proferidas por ambos os lados. Enquanto os americanos falaram sobre a política chinesa para com Hong Kong, abusos de direitos humanos em Xinjiang e no Tibet, ações de hackers chineses e provocações no estreito de Taiwan, os chineses falaram das centenas de milhares de mortos nos EUA para a covid, o genocídio dos povos nativos e ações militares ao redor do mundo. Novas reuniões para discutir comércio devem ser marcadas antes de um possível encontro entre Joe Biden e Xi Jinping na cúpula do G20 em outubro. (Bloomberg / WSJ)

CORONAVÍRUS NO MUNDO

Nos EUA, os casos de Covid-19 já somam 34,5 milhões e as mortes ultrapassam 610,9 mil. No mundo são mais de 194,6 milhões de infectados, e os óbitos alcançaram a marca de 4,16 milhões. (Johns Hopkins)

HOJE

Os índices da bolsa do Japão encerraram a sessão com leves ganhos. Na China caiu 2,5% e em Hong Kong recuou 4,2%, com investidores venderam ações dos respectivos países, devido ao aumento de medidas regulatórias pelo governo chinês. Na Europa, as bolsas operam no vermelho, o índice Euro Stoxx 50 registra queda de 0,45%. Os futuros das bolsas de Wall Street também apontam para uma abertura negativa. O barril Brent avança 0,25%, sendo negociado a US$ 74,69. O ouro spot está de lado, cotado a US$ 1.797,40 a onça. O yield dos treasuries de 10 anos está em 1,26% e o dólar avança. O Bitcoin está sendo negociado a US$ 37.000, após ter superado o patamar de US$ 40.000 no dia de ontem. Com a agenda esvaziada, o mercado acompanhará os resultados de Alphabet, Apple, Facebook e Amazon que serão divulgados nesta semana e a decisão de política monetária do Fed, que sai amanhã (28).

Deixe uma resposta