Arthur Lira se pronuncia sobre o parcelamento de precatórios e os últimos destaques

Quarta-feira, 04 de agosto de 2021

RESUMO DOS MERCADOS

BrCotação DiaSemanaMêsAno
Ibovespa (pts)123.576,560,87%1,46% 1,46%3,83%
DI Jan 2025 (bps)8,79%099314
Dólar PTAX (R$)5,24642,11%2,44% 2,44%0,96%
S&P 500 (pts)4.423,150,82%0,63% 0,63%17,76%

BRASIL EM FOCO 

DESTAQUES

Depois de mergulhar na mínima do dia aos 120.807 pontos, o Ibovespa emergiu e encerrou a sessão com 0,87% de alta, com destaques positivos para os bancos. Em meio ao alívio no mercado de minério, após as recentes quedas, a Vale registrou alta de 3,41% e a Bradespar PN, maior acionista da mineradora, avançou 2,98%. A elevação dos riscos fiscais com possível aumento do Bolsa Família e pagamento dos precatórios foi expressa na volatilidade cambial. 

PRODUÇÃO INDUSTRIAL

A produção industrial apresentou variação nula em junho, após crescer 1,4% em maio. Três das quatro grandes categorias econômicas e a maior parte (14) das 26 atividades investigadas pela Pesquisa Industrial Mensal (PIM)  registraram recuo no setor. No acumulado do primeiro semestre, a produção avançou 12,9%. As medidas restritivas, a dificuldade para obter matérias-primas e o aumento dos custos de produção pesaram para o resultado. ( Agência Brasil)

PRECATÓRIOS

O presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), disse que a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que permite o parcelamento de precatórios não representa calote por parte da União. Segundo ele, é preciso modular esses pagamentos para evitar que haja um “estrago” nas contas públicas. Lira negou ainda que o objetivo da PEC seja abrir espaço no Orçamento para elevar o valor médio pagos por meio do programa Bolsa Família para R$ 400,00. Segundo o presidente da Câmara, a reformulação do Bolsa Família virá por meio de medida provisória, e não por PEC, e respeitará o Orçamento e o teto de gastos, “com valor planejado em torno de R$ 300,00”. Lira afirmou ainda que ele e Pacheco assumiram um compromisso de discutir os termos da PEC dos precatórios com o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux. (Estadão)

REFORMA DA TRIBUTÁRIA

Deputado Celso Sabino (PSDB-PA) apresentou ontem na Câmara o parecer substitutivo da reforma tributária e introduziu um gatilho para a queda do IRPJ, A alíquota atual, de 15%, cairá para 7,5% no primeiro ano. Se a arrecadação geral do IR subir mais do que a inflação, haverá um corte adicional de 2,5 pontos. Em 2023, a redução de mais 2,5 pontos percentuais também está atrelada à esse gatilho arrecadatório. O relator também propôs uma nova repatriação de recursos do exterior  e para isso os contribuintes poderão atualizar os valores pagando 6% sobre o lucro. As mudanças nas regras do IR serão neutras do ponto de vista fiscal, diferentemente da versão anterior que previa um corte de R$ 30 bilhões de tributos ao ano. Para equalizar a mudança, o congressista propõe a extinção dos Juros sobre Capital Próprio. O texto anterior definia apenas o fim da dedutibilidade. A mudança visa mitigar a perda de receita que Estados e municípios teriam com a aprovação do texto. ( Agencia Brasil / Poder360)

IPO DA RAIZEN

A joint venture entre a brasileira Cosan e a anglo-holandesa Shell, vendeu suas ações a R$ 7,40 na abertura de capital, que deve ser a maior operação do tipo na América Latina este ano. Considerando o lote principal de ações mais o suplementar, a operação movimentou R$ 6,9 bilhões. A empresa estreia na B3 na quinta-feira (5), com o código RAIZ4. Com a tese sustentável , de ser neutra em carbono, as fontes contam que o IPO atraiu fundos internacionais de energia, incluindo carteiras específicas, focadas em transição energética, animados pelas novas tecnologias em renováveis que a empresa tenta avançar, como o etanol de segunda geração e biogás. (Estadão

CORONAVÍRUS NO BRASIL

Nas últimas 24h,foram notificadas 1.209 mortes por Covid-19 e registrados 32.3 mil novos casos da doença19,9 milhões de brasileiros já se contaminaram com o vírus e o total de óbitos por causa do novo coronavírus, desde o início da pandemia subiu para 558,4 mil. Foram aplicadas 145,5 milhões de doses de vacina, sendo que 42,7 milhões de pessoas, ou 20,2% da população, foram totalmente imunizadas, por terem recebido a segunda dose ou tomado a vacina de dose única. (Ministério da Saúde / G1)

OBSERVATÓRIO INTERNACIONAL 

DESTAQUES

O S&P 500 renovou a máxima histórica, com alta de 0,82%, impulsionado pelas ações do setor de energia, apesar da queda do petróleo no mercado futuro. O Nasdaq avançou 0,55%, com a recuperação dos preços das gigantes de tecnologia, com destaque para Apple e Amazon. O índice Dow Jones fechou em alta de 0,80%. Os comentários de membros do Fed também pesaram nas variações do dia.

QUEDA DOS YIELDS

hedge fund Alphadyne apresentou uma das maiores quedas consequentes de short squeeze no mercado global de bonds, com US$ 12 bilhões na estratégia atracada numa série de apostas na alta dos juros, as perdas já totalizam US$ 1,5 bilhão, após o fundo despencar em julho.(Bloomberg)

POLÍTICA MONETÁRIA

Michelle Bowman, diretora do Federal Reserve, em conferência na Hoover Institution, disse que apesar do ritmo encorajador das contratações recentes, o emprego ainda está muito abaixo de onde estava. A presidente do Fed de San Francisco, Mary Daly, apontou que há quase 10 milhões de pessoas desempregadas e mais indivíduos às margens do mercado de trabalho. Essas opiniões divergem da visão de outras autoridades do banco central norte-americano. Recentemente, Christopher Waller, diretor do Fed, e James Bullard, presidente do Fed de St. Louis, disseram acreditar que a recuperação do mercado de trabalho está quase concluída e que o Fed deve começar a reduzir seus bilhões de dólares em compras mensais de títulos o quanto antes. (Reuters)

ORDENS DE DESPEJO

Os Centros para Controle e Prevenção de Doenças (CDCs) dos Estados Unidos estabeleceram uma nova moratória de despejos que irá vigorar até 3 de outubro.  A nova moratória poderá ajudar milhões de americanos a permanecerem em casas alugadas, já que a variante Delta do coronavírus se espalhou e os Estados demoraram a liberar o auxílio federal ao aluguel, deixando muitos inquilinos inadimplentes. A alegação dos CDCs é que trata-se de uma questão de saúde pública. Biden havia anunciado que proibiria novos despejos, mas pediu aos CDCs que emitissem uma nova moratória para estender a que expirou em 30 de julho.  (WSJ / Valor)

CRIPTOMOEDAS

O presidente da SEC, Gary Gensler, disse que os investidores precisam de mais proteção no mercado de criptomoedas, que está “repleto de fraudes, golpes e abusos”. Nomeado pelo presidente Joe Biden para liderar o órgão que regula os mercados de valores mobiliários, Gensler listou várias áreas onde o mercado de criptomoeda precisava ser controlado ou regulamentado, mas tem sido visto como receptivo à essas novas tecnologias financeiras. O evento desta terça-feira (03) marcou a primeira vez que o Aspen Institute incluiu uma discussão sobre criptomoeda no fórum sobre segurança nacional. ( Valor / Bloomberg)

CORONAVÍRUS NO MUNDO

Nos EUA, os casos de Covid-19 já somam 35,2 milhões e as mortes ultrapassam 614,2 mil. No mundo são mais 4,14 bilhões de vacinas aplicadas, 199,5 milhões de infectados pelo novo coronavírus e os óbitos alcançaram a marca de 4,2 milhões. (Johns Hopkins)

HOJE

Na Ásia, índices acionários encerraram a sessão sem direção definida. Na Europa, as principais bolsas operam em alta. Os futuros das bolsas de Nova York apontam para uma abertura negativa. O barril Brent recua 1%, cotado a US$ 71,69. O ouro spot avança 0,41%, sendo negociado a US$ 1.818,63 a onça. O yield dos treasuries de 10 anos está em 1,16%. O Bitcoin está sendo negociado no patamar de US$ 38.000. A informação mais aguardada do dia é a decisão do Comitê de Política Monetária e o relatório de empregos ADP nos EUA . Na agenda corporativa, hoje serão divulgados os resultados de Petrobras, BB, Gerdau, Braskem, Lojas Quero-Quero entre outros. 

Deixe uma resposta