Texto base de privatização dos correios é aprovado e os últimos destaques

Sexta-feira, 06 de agosto de 2021

RESUMO DOS MERCADOS

BrCotação DiaSemanaMêsAno
Ibovespa (pts)121.632,92-0,14%-0,14% -0,14%2,20%
DI Jan 2025 (bps)9,14%324444349
Dólar PTAX (R$)5,1464-1,20%0,48% 0,48%-0,97%
S&P 500 (pts)4.429,100,60%0,77% 0,77%17,92%

BRASIL EM FOCO

DESTAQUES

O Ibovespa registrou leve queda, mas manteve o patamar de 121 mil pontos, em meio aos ruídos políticos e forças opostas de Petrobras (ON 9,63%) e Vale (ON -3,06%). O dólar recuou na parte da manhã, efeito da decisão do Copom e tom mais firme no comunicado do BC, mas fechou em alta. Os juros curtos se ajustaram para uma Selic mais elevada no final do ano e os juros futuros de longo prazo subiram forte, com algumas taxas oscilando mais de 50 pontos entre a máxima e a mínima.

PETROBRAS

A petrolífera registrou lucro líquido de US$ 8,1 bilhões de dólares no segundo trimestre de 2021. O resultado, segundo a companhia, foi impactado positivamente pelo efeito da valorização do real frente ao dólar sobre a dívida. Com a redução do endividamento, o Conselho de Administração da companhia aprovou a antecipação do pagamento de remuneração aos acionistas no valor total de US$ 6 bilhões de dólares, a serem pagos em 25 de agosto e em 15 de dezembro deste ano. A União, acionista controlador da estatal, vai receber R$ 11,6 bilhões de reais em dividendos. ( AgênciaBrasil / Valor)

PRIVATIZAÇÃO DOS CORREIOS

A Câmara dos Deputados aprovou nesta quinta-feira (05), por 286 a 173, o texto-base do projeto de lei que permite a privatização dos Correios e a quebra do monopólio da empresa nos serviços postais. O PL autoriza a venda de 100% dos Correios em leilão, mas o comprador, que assumir a concessão por “pelo menos cinco anos”, terá que manter a universalidade dos serviços postais (cartas, cartão-postal e telegrama) em todas as regiões do país sem fechar agências em áreas remotas. Também está no texto, que os funcionários não poderão ser demitidos sem justa causa por 18 meses e a empresa será obrigada a abrir um programa de demissão voluntária (PDV). Os deputados ainda precisam votar 11 emendas e encaminhar o texto para o Senado. Pelo calendário do BNDES, a aprovação pelo Congresso precisa ocorrer em agosto para que o leilão ocorra em abril. (Valor)

PRECATÓRIOS

A PEC do parcelamento dos precatórios ainda não foi encaminhada para o Congresso, mas o líder do governo, Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE), já quer modificar o texto. A ideia de Bezerra, que não conta com o aval da equipe econômica, é retirar todos os precatórios do teto de gastos, equiparando-os a uma despesa de capital financeiro, permitindo assim a abertura de um espaço fiscal de R$ 19 bilhões em 2022.  Paulo Guedes defende a criação de um fundo para pagar esse parcelamento e apenas R$ 10 bi ficariam fora do teto. O receio de alguns técnicos em alterar a natureza dos precatórios é que isso poderia impactar na credibilidade do regime fiscal (Valor)

VOTO IMPRESSO

A comissão especial na Câmara rejeitou, por 23  a 11, o relatório do deputado Filipe Barros (PSL-PR) favorável à PEC do voto impresso. Contudo, o presidente da Casa, Arthur Lira (PP-AL), sinalizou que, mesmo com a derrota, o texto pode ser levado ao plenário visto que, regimentalmente, as comissões especiais são opinativas, não terminativas, de modo que qualquer recurso pode dar continuidade ao processo. A questão é mais simbólica, uma vez que para ser aprovada uma PEC precisaria de 308 votos favoráveis dos deputados em dois turnos e o texto não conseguiu 18. ( Folha)

REFIS

Por 68 votos favoráveis e nenhum contrário, os senadores aprovaram, nesta quinta-feira (05), substitutivo do senador Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE) que permite o pagamento em até 15 anos das dívidas das micro e pequenas empresas com a União, inclusive de microempreendedores individuais. O Projeto de Lei Complementar (PLP) 46/2021, que apresenta tabelas com condições e critérios diversos para a renegociação das dívidas, segue agora para análise da Câmara dos Deputados. (Agência Senado)

CPI DA COVID

O Senado Omar Aziz (PSD-AM), presidente da CPI  da Covid, anunciou que o líder do Governo na Câmara, Ricardo Barros (PP-PR) irá depor na próxima quinta-feira (12). Barros foi citado pelo deputado Luis Miranda (DEM-DF) como participante de negociações suspeitas do Ministério da Saúde para compra de vacinas. (Poder 360)

PAGAMENTO COM MERCADORIA

A Toyota anunciou o canal de vendas diretas Toyota Barter, que vai aceitar sacas de milho e soja como pagamento pelos utilitários SW4 e Corolla Cross, além da picape Hilux. O termo barter significa transações baseadas na troca de mercadorias, sem intermediação monetária. A ideia é fomentar negócios com produtores rurais, oferecendo segurança e previsibilidade ao utilizar uma modalidade de pagamento com a qual eles já  estão familiarizados. (Folha)

CORONAVÍRUS NO BRASIL

Nas últimas 24h,foram notificadas 1.099 mortes por Covid-19 e registrados 40,1 mil novos casos da doençaOs brasileiros que se contaminaram com o vírus já ultrapassam 20 milhões e o total de óbitos, desde o início da pandemia, subiu para 560,7 mil. Foram aplicadas 149,3 milhões de doses de vacina, sendo que 44,3 milhões de pessoas, ou 20,9% da população, foram totalmente imunizadas, por terem recebido a segunda dose ou tomado a vacina de dose única. (Ministério da Saúde / G1)

OBSERVATÓRIO INTERNACIONAL 

DESTAQUES

O S&P 500 avançou 0,60%, o Nasdaq 0,78% e ambos imprimiram novas máximas. O dólar se enfraqueceu frente a uma cesta de moedas e os preços dos Treasuries escorregaram, com o rendimento dos respectivos títulos ascendendo para patamar de 1,22%. Os dados de seguro-desemprego inicias recuaram pela segunda semana consecutiva.

SEGURO-DESEMPREGO NOS EUA

Os dados de solicitações iniciais de auxílio-desemprego sugeriram avanços no mercado de trabalho. Foram 385 mil pedidos na semana encerrada em 31 de julho, queda de 14 mil em relação aos dados da semana anterior. As respostas das empresas e do governo à variante Delta não estão desencadeando novas demissões, de acordo com os dados do Labor Department. O crescimento da economia norte-americana segue robusto este ano com a disponibilidade de vacinas, reabertura dos negócios, demanda reprimida e estímulos do governo.  ( WSJ)

VARIANTE DELTA

Há riscos de a variante delta do coronavírus desacelerar o ritmo da recuperação econômica nos EUA. Como qualquer efeito levará tempo para emergir em indicadores mensais tradicionais, economistas e autoridades monetárias estão monitorando um conjunto de dados inusitados (agendamento em restaurantes, acesso eletrônico a edifícios corporativos) para capturar quaisquer sinais de impacto. O evento New York International Auto Show foi cancelado devido à crescente preocupação com o vírus. Google, Amazon e BlackRock decidiram recuar com os planos de retornar ao escritório. ( Bloomberg)

POLÍTICA MONETÁRIA NO REINO UNIDO

O Banco da Inglaterra (BOE) anunciou a manutenção da atual taxa de juros no Reino Unido em 0,10%, em decisão unânime. O volume do programa de flexibilização quantitativa também foi mantido em 895 milhões de libras, por sete votos a um. A decisão foi um alívio para os mercados, mas o presidente do BoE, Andrew Bailey, sinalizou  em coletiva de imprensa para um eventual aperto caso a economia britânica siga evoluindo dentro das previsões do BC. A projeção para a inflação é que chegue a 4% este ano, na esteira de uma recuperação econômica robusta.  (Reuters / The Guardian)

INVESTIDA NUCLEAR DA CHINA

Pequim, oficialmente, opera cerca de 20 silos para o lançamento de ICBMs (mísseis balísticos intercontinentais), com modelos capazes de atingir alvos em quase todo o mundo. Pela análise de imagens de satélite pesquisadores identificaram que os chineses estão construindo um grande complexo em Yumen de 800 km² com até 119 silos para seus novos mísseis DF-41, e outro do mesmo tamanho em Hami, aumentando em mais de 10 vezes a sua capacidade de lançamento estático. (Folha)

CORONAVÍRUS NO MUNDO

Nos EUA, os casos de Covid-19 já somam 35,2 milhões e as mortes ultrapassam 614,2 mil. No mundo são mais 4,14 bilhões de vacinas aplicadas, 199,5 milhões de infectados pelo novo coronavírus e os óbitos alcançaram a marca de 4,2 milhões. (Johns Hopkins)

HOJE

As bolsas fecharam sem direção definida na Ásia. Os movimentos são levemente positivos nas bolsas da Europa, nesta manhã. Em dia de payroll, os futuros de Wall Street apontam para uma abertura mista após os recordes de ontem. O barril Brent avança 1,22%, cotado a US$ 72,16. O ouro spot recua, negociado a US$ 1.799 a onça. O yield dos treasuries de 10 anos está em 1,25%. O Bitcoin se mantém acima de US$ 40.500. Na agenda dia, o mercado aguarda a divulgação do relatório de empregos não-agrícolas nos EUA (Payroll) em julho e a taxa de desemprego.

Deixe uma resposta