Vendas do varejo sobem em julho e os últimos destaques

NESTA MANHÃ

  • Na Ásia, os índices das principais bolsas iniciaram a semana sem direção definida. As preocupações com o aperto regulatório na China, que tem focado empresas de tecnologia, voltaram a derrubar ações do setor em Hong Kong. O Hang Seng recuou 1,5%.
  • As bolsas europeias operam em alta, com investidores ainda digerindo o anúncio de política monetária do Banco Central Europeu (BCE). O Euro Stoxx 50 avança 0,91%.
  • Os futuros dos índices de Wall Street apontam para uma abertura positiva.
  • Os contratos de Brent avançam 1,14% e são negociados a US$ 73,75.
  • O ouro spot está de lado e é cotado a US$ 1.788,70 a onça.
  • yield dos treasuries de 10 anos está em 1,32%.
  • O Bitcoin recua a US$ 44,5 mil.

AGENDA DO DIA

  • 10h30 – Europa: discurso da presidente do BCE
  • 15h00 – EUA – Balanço Orçamentário Federal 

RESUMO DO FECHAMENTO ANTERIOR

Cotação DiaSemanaMêsAno
Ibovespa (pts)114.285,93-0,93%-2,26%-3,78%-3,98%
DI Jan 2025 (bps)10,20%233767455
Dólar PTAX (R$)R$ 5,2158-1,26%0,92%1,41%0,37%
NASDAQ (pts)15.115,49-0,87%-1,61%-0,94%17,28%

BRASIL

O Ibovespa encerrou a semana, encurtada pelos feriados do Dia do Trabalho nos EUA e Dia da Independência no Brasil, abaixo dos 115.000 pontos. A escalada da tensão entre os poderes contribuiu para o aumento da volatilidade nos mercados locais. O real perdeu força. O Dólar Ptax valorizou 0,92% na semana. Além da crise institucional, que dividiu a classe política e obstruiu a agenda de reformas no Congresso, a inflação pressionou ainda mais os juros, curtos e longos.  

INTERNACIONAL

As ações das bolsas de Nova York caíram, em meio as incertezas sobre a recuperação econômica e a alta da inflação. Na semana, o Dow Jones cedeu 2,15%, o S&P 500 retraiu 1,69%, a maior queda em 12 semanas, e o Nasdaq contraiu 1,61%.

COVID-19

Nas últimas 24h foram notificadas 293 mortes por Covid-19 e registrados 10,6 mil novos casos da doença. Até o momento, 64,75% da população brasileira já recebeu a primeira dose e 72,7 milhões de pessoas, ou 34%, foram totalmente imunizadas. A dose de reforço foi aplicada em 88.811 pessoas. No mundo, mais de 5,674 bilhões de vacinas já foram administradas. ( Ministério da Saúde / G1 / Johns Hopkins)

PRINCIPAIS NOTÍCIAS DO BRASIL

VENDAS NO VAREJO

O volume de vendas no varejo restrito subiu 1,2% em julho, frente a junho. O resultado veio acima da expectativa do mercado e foi o quarto crescimento consecutivo do indicador, fazendo com que o volume de vendas do comércio chegasse ao patamar recorde da série histórica da Pesquisa Mensal do Comércio (PMC). A alta mais intensa foi a de outros artigos de uso pessoal e doméstico (19,1%). (Valor / IBGE)

PAUTA ECONÔMICA

O Planalto escalou o ministro-chefe da Casa Civil, Ciro Nogueira, para destravar a pauta econômica no Senado. Ciro vai acelerar a liberação de dinheiro em forma de emendas para os senadores. Ele fez chegar ainda ao presidente da Casa, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), uma lista de projetos econômicos prioritários. A relação inclui os marcos legais da ferrovia e do câmbio, a privatização dos Correios e a reforma do Imposto de Renda. Todos os assuntos já foram aprovados pela Câmara. ( CNN Brasil)

ECONOMIA

O ministro da Economia, Paulo Guedes, admitiu nesta sexta-feira (10), em evento virtual promovido pelo banco Credit Suisse, que a crise institucional pode prejudicar a economia do país. Segundo Guedes, as conversas com o Congresso e o próprio STF serão retomadas na semana que vem, porque o governo precisa de uma solução para enfrentar os precatórios e não descumprir o teto de gastos. Guedes também comentou durante a conversa sobre a inflação, dizendo que a escalada nos preços é uma “sombra” que paira sobre o governo. ( Folha)MANIFESTAÇÕES: os atos que ocorreram na manhã do domingo (12), em defesa do impeachment do presidente Jair Bolsonaro, foram marcados por baixa adesão do público . Organizados pelos grupos de centro-direita Movimento Brasil Livre (MBL), Vem Pra Rua (VPR) e Livres, os protestos foram realizados em seis capitais brasileiras, sem atrair grandes setores da esquerda. O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), falou por sete minutos para o público Avenida Paulista, e foi o discurso mais longo nesta tarde de domingo. (Broadcast)

PRINCIPAIS NOTÍCIAS DO MUNDO  

PPI EUA

O índice de preços ao produtor dos Estados Unidos subiu 0,7% em agosto, frente a julho. O resultado veio acima da expectativa do mercado, que previa 0,6%. Na comparação anual, o PPI teve alta de 8,3% em agosto, a maior desde que o indicador começou a ser calculado, em 2010. O aumento pode ser explicado pela escassez de matéria prima, gargalos no transporte e despesas crescentes de mão de obra. (Bloomberg / Reuters)

PIB REINO UNIDO

Em julho, o PIB do Reino Unido aumentou apenas 0,1%, abaixo da expectativa do mercado de 0,6%. Foi o menor aumento mensal desde janeiro, quando entrou em lockdown. O número acentuado de casos de Covid-19, à medida que a variante Delta se espalhou, teve um forte impacto no crescimento. (Reuters

EUA E CHINA

Os presidentes Joe Biden e Xi Jinping conversaram por 90 minutos na última quinta-feira (9), a primeira comunicação entre os líderes das maiores potências do mundo, desde fevereiro. O diálogo teve como foco questões econômicas, mudanças climáticas e a covid-19, disse uma autoridade norte-americana à imprensa. A Casa Branca procurou distinguir entre as questões que os países podem cooperar e aquelas nas quais irão competir, enquanto Xi foi na linha do respeito mútuo aos interesses essenciais.Bloomberg)

REGULAÇÃO NA CHINA

Os órgãos reguladores chineses planejam exigir a cisão do Alipay, popular aplicativo de pagamentos do Ant Group, para a criação de um aplicativo exclusivo para a concessão de crédito. A ideia de Pequim é que a nova plataforma seja uma sociedade entre o Ant e empresas estatais, e que o Alipay, que tem mais de 1 bilhão de usuários, não seja mais o único agente a tomar decisões na concessão de crédito. O  Alipay não seve ser a única plataforma de crédito online afetada pelas mudanças. (Broadcast)

APPLE

A Justiça dos EUA ordenou na sexta-feira (10) que a Apple altere as regras de sua loja de aplicativos, a App Store, e permita que desenvolvedores ofereçam links e opções alternativas de pagamentos para a realização de assinaturas e compra de itens digitais. A determinação é favorável à Epic Games, criadora do game ‘Fortnite’, que processou a fabricante do iPhone, e pode gerar impactos na indústria bilionária. Ambas as empresas ainda podem recorrer. (WSJ)

Deixe uma resposta