A PEC dos Precatórios e os destaques da semana

Panorama Semanal de 1o a 5 de novembro*. 

DESTAQUES

A PEC dos Precatórios e o “tapering” dominaram o noticiário da semana.

 PEC DOS PRECATÓRIOS

A Câmara dos Deputados aprovou a PEC dos Precatórios, que permite o adiamento do pagamento de dívidas do Executivo e gera incertezas fiscais com a alteração do teto de gastos. Com a aprovação em 1o turno, a medida pode liberar cerca de R$ 90 bilhões do Orçamento. Os recursos viabilizam os R$ 400 do Auxílio Brasil, programa para substituir o Bolsa Família. A PEC dos Precatórios ainda será apreciada em 2o turno na Câmara e encaminhada ao Senado. 

FED 

Nos EUA, o Fed (banco central americano) anunciou a retirada gradual dos estímulos econômicos, o chamado “tapering”. Uma das reduções dos estímulos se refere a US$ 15 bilhões nas compras mensais de títulos.

5G NO BRASIL 

O leilão de 5G no Brasil também vem ocupando as manchetes esta semana. As grandes operadoras, Claro, Vivo e Tim, já levaram as faixas mais concorridas, e uma nova companhia, a Winity, entra na telefonia móvel do país.

PRODUÇÃO INDUSTRIAL

Na divulgação de indicadores, foco na produção industrial, que caiu 0,4% em setembro, na comparação com agosto, de acordo pelo IBGE. 

COP26

Na Conferência sobre Mudanças Climáticas (COP26), destaque para o acordo de reduzir emissões de metano em 30% até 2030. Em outra frente, também repercutiu o acordo mundial para acabar com o desmatamento. O Brasil aderiu aos dois.

Também houve compromissos em relação aos combustíveis fósseis, com promessas de eliminação do uso carvão. Em evento prévio, em Roma, líderes do G20 concordaram sobre o fim do financiamento público a projetos de carvão em outros países e sobre o aquecimento global restrito ao limite de 1,5 ºC até o fim do século. 

COVID-19

Na Europa e na China, crescem as preocupações com novo surto de covid-19.

BOLSA

No pregão desta quinta-feira, o Ibovespa fechou em queda de 2,09%, aos 103.412 pontos, menor patamar do ano. O dólar fechou cotado a R$ 5,604, em alta de 0,28%.

Obrigada, bom fim de semana e até o próximo Panorama Semanal.

* Dados atualizados até as 9h do dia 05/11

Deixe uma resposta