Greve em Paris e os últimos destaques

BRASIL EM FOCO 

Com o ambiente externo mais calmo, na esperança de que um acordo preliminar entre China e EUA saia até o fim do ano, o índice brasileiro fechou mais um dia batendo recorde. O Ibovespa terminou a sessão com alta de 0,29%, aos 110.622 pontos. O  Dólar PTAX foi a R$ 4,2136, com alta de 0,50%. No mercado de juros futuro, a taxa do DI para janeiro de 2025 recuou 2 pontos base para 6,44%.

A produção de veículos no Brasil sofreu queda de 7,1% em novembro deste ano. No total, foram 227.455 autoveículos (veículos leves, caminhões e ônibus) produzidos no último mês, contra 244.771 no mesmo mês de 2018. (Anfavea)

O governo encaminhou ao Congresso, na noite de terça-feira, um projeto de lei que altera a Lei de Diretrizes Orçamentárias para 2020, recentemente aprovada. O projeto restabelece a obrigatoriedade de execução com identificação de autoria, de mais dois tipos de emendas parlamentares: as de comissão e as do relator-geral da proposta. Até agora só as emendas individuais e de bancadas são impositivas. O problema é que parte do texto do projeto enviado pelo governo está sendo considerado inconstitucional por consultores e parlamentares, pois cria um limite mínimo para a execução das emendas de comissão e de relator-geral, mesmo quando não há necessidade de contingenciamento para o cumprimento das metas fiscais ou do teto de gastos. (Valor)

OBSERVATÓRIO INTERNACIONAL 

Os índices de Nova York avançaram no consenso que Washington não deverá elevar as tarifas sobre os produtos chineses em 15 de dezembro. O S&P 500  avançou 0,15%, a 3.117,43 pontos.

A petroleira Aramco captou US$ 25,6 bilhões, no maior IPO do mundo. A estatal de petróleo da Arábia Saudita vendeu três bilhões de ações, o equivalente a 1,5% do capital da empresa, por 32 riyals sauditas (US$ 8,53) por ação. (Valor)

Enquanto isso, a OPEP discutia os detalhes para ajustar a meta de produção de petróleo, com objetivo de prevenir o mercado de um excesso de oferta. (UOL)

No encontro de comemoração de 70 anos OTAN (Organização do Tratado do Atlântico Norte), a aliança militar teve um dos encontros mais turbulentos, com polêmicas envolvendo Donald Trump e o Emmanuel Macron. O presidente francês declarou que a OTAN sofria de uma “morte cerebral”. Os líderes divergiram abertamente sobre o orçamento, comércio, imigração, terrorismo e em relação a Turquia e a Rússia. (O Globo)

Em meio a essa superposição de vozes, a aliança decidiu abrir um processo para reforçar seu flanco político. A organização deverá agora nomear um comitê que fará as propostas de reforma. Além disso, as cúpulas da OTAN que desde de 2016 vinham sendo anuais, voltarão a se encontrar de dois em dois anos. Então, salvo imprevistos, a próxima reunião só será em 2021. (El País)

Na França, a maior greve em anos paralisou Paris e mais de 100 outras cidades. Cerca de 800 mil trabalhadores protestaram contra as mudanças propostas pelo presidente Emmanuel Macron no sistema previdenciário. Atualmente, a França possui 42 esquemas diferentes de aposentadoria entre os setores público, privado com variações nas idades e benefícios. A reforma estabeleceria um sistema unificado que, segundo Macron, seria mais justo. A ideia é recompensar os funcionários por cada dia trabalhado, concedendo pontos que posteriormente seriam transferidos para futuros benefícios previdenciários. A idade oficial de aposentadoria já foi aumentada de 60 para 62, na última década, mas continua sendo uma das mais baixas do grupo de países ricos da OCDE. Uma pesquisa recente apontou que 75% das pessoas pensavam que as reformas previdenciárias eram necessárias, mas apenas um terço acreditava que o governo poderia implementá-las. Na quinta, os principais pontos turísticos ficaram fechados. (BBC)

Na Ásia, as bolsas encerraram a semana em alta. O índice Hang Seng, da bolsa  de Hong Kong, avançou 1,07%. Na Europa, as bolsa operam no positivo. Nos EUA, o viés dos futuros também é de alta, com os investidores otimistas com os dados do mercado de trabalho (Payroll) que saem nesta manhã. 

RESUMO DOS MERCADOS 

Dólar PTAX R$ 4,2136 + 0,50%
DI Fut Jan/25 6,44% – 2 bps 
Ibovespa 110.622 pts + 0,29%
S&P 500 3.117,43 pts + 0,15%
As informações contidas neste material têm caráter meramente informativo, não constitui e nem deve ser interpretado como solicitação de compra ou venda, oferta ou recomendação de qualquer ativo financeiro, investimento, sugestão de alocação ou adoção de estratégias por parte dos destinatários. Este material é destinado à circulação exclusiva para a rede de relacionamento da Órama Investimentos, incluindo agentes autônomos e clientes, podendo também ser  divulgado no site e/ou em outros meios de comunicação da Órama. Fica proibida sua reprodução ou redistribuição para qualquer pessoa, no todo ou em parte, qualquer que seja o propósito, sem o prévio consentimento expresso da Órama.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s